Menu
Busca segunda, 02 de agosto de 2021
Warren SpaceNow
Warren SpaceNow Mobile
SpaceNow

Ibovespa fecha em queda de 0,9%, aos 128 mil pontos; dólar também cai e vai a R$ 5,02

Veja os principais fatores que influenciaram os mercados nesta quinta-feira (17)

17 junho 2021 - 17h30Por Redação SpaceMoney
Warren 970x250 2

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, encerrou o pregão desta quinta-feira (17) em baixa.

Ao final da sessão, as perdas foram de 0,93%, aos 128.057 pontos.

O dólar teve desvalorização de 0,72%, cotado a R$ 5,022.

Veja os fatores que influenciaram os mercados hoje:

Mercados internacionais

Ásia (encerrados)

Nikkei 225 (Jap): 0,93% ↓                                                                                                                  

Shanghai Composite (Chi): 0,21% ↑ 

Europa (encerrados)

DAX 30 (Ale): 0,11% ↑                                                                            

FTSE 100 (Ing): 0,44% ↓                                                                                                         

CAC 40 (Fra): 0,20% ↑                                                                                                                                          

EUA (encerrados)

Dow Jones: 0,62% ↓                                         

S&P 500: 0,04% ↓                                                                                                         

Nasdaq 100: 1,29% ↑                                                                           

Selic

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) anunciou ontem (16), às 18:30, que elevou a taxa básica de juros Selic de 3,5% para 4,25% ao ano. A decisão foi unânime e a magnitude da alta está em linha com a expectativa do mercado.

O comunicado divulgado após a decisão retirou o trecho de "ajuste parcial" da política monetária, conforme também era aguardado pelo mercado. Agora, a autoridade monetária vê como "apropriada a normalização da taxa de juros para patamar considerado neutro".

A próxima reunião ocorre nos dias 3 e 4 de agosto.

Federal Reserve

O Federal Reserve antecipou para 2023 suas projeções para o primeiro aumento nas taxas de juros pós-pandemia e abriu a discussão sobre quando e como pode ser apropriado começar a reduzir suas compras mensais de ativos.

As novas projeções do Fed mostram que uma maioria de 11 das 18 autoridades do banco central previram pelo menos dois aumentos de 0,25 ponto percentual nas taxas de juros para 2023, mesmo com autoridades prometendo, em comunicado, manter por ora a política de apoio para estimular uma recuperação dos empregos em curso.

O Fed citou uma perspectiva econômica melhor para esta mudança de postura, com o crescimento econômico geral previsto para atingir 7% este ano, acrescentando que a pandemia de Covid-19, que agora dura 15 meses, não era mais um grande obstáculo para a economia dos EUA.

Eletrobras

O plenário do Senado Federal começou a analisar ontem (16) a Medida Provisória (MP) que permite a privatização da Eletrobras (SA:ELET3).

O tema estava na pauta desta quarta-feira para ser discutido e votado, mas a demora na apresentação do relatório, a cargo do senador Marcos Rogério (DEM-RO), fez o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), determinar a votação nesta quinta-feira (17), a partir das 10:00.

O relator acolheu emenda que libera a migração de consumidores para o mercado livre a partir de 1º de julho de 2026. Hoje, apenas grandes consumidores podem fazer essa escolha, enquanto os residenciais, tecnicamente chamados de cativos, são obrigatoriamente atendidos pelas distribuidoras.

CPI da Covid

Estavam marcados para hoje (17) os depoimentos do empresário Carlos Wizard e de Alexandre Figueiredo Marques, auditor do Tribunal de Contas da União (TCU).

Luís Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu habeas corpus a Carlos Wizard. Com a medida, o empresário poderia ir à Comissão Parlamentar de Inquérito e ficar em silêncio, mas não compareceu.

Wizard era esperado para prestar esclarecimentos sobre a atuação de um suposto gabinete paralelo.

Alexandre Figueiredo Marques compareceu ao Senado e seria questionado por parlamentares sobre sua participação na elaboração de suposto "estudo paralelo" que informava que a metade das mortes pela covid-19 no país não ocorreram. 

Entretanto, os membros da comissão decidiram por adiar a sessão em razão da tramitação da MP da Eletrobras no Senado Federal. O presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), espera que o relatório seja lido e a votação realizada hoje.

Lei de Improbidade Administrativa

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (16) o projeto que modifica a Lei de Improbidade Administrativa. O texto prevê punição para agentes públicos que agirem com intenção de lesar a administração pública. A matéria segue para o Senado Federal.

Petrobras

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, com restrições, a venda da fatia da Petrobras na GNL Gemini Gás Local para a sua sócia na empresa, a White Martins. A venda foi anunciada em setembro de 2020 e não teve o valor revelado.

IPOs

Agribrasil - Nesta quarta-feira (16), a Agribrasil protocolou pedido de registro para realizar uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

As atividades da Agribrasil consistem na aquisição de milho e soja, transgênicos e não transgênicos, diretamente de grandes produtores, fazendeiros, cooperativas e revendas no interior do Brasil.

A companhia atua também na logística do transporte desses grãos e entrega dos mesmos no destino final, seja na venda ao mercado interno brasileiro ou na exportação para mais de quinze países. 

Seguro-desemprego nos EUA

Os pedidos iniciais por seguro-desemprego da semana passada nos EUA ficaram acima da previsão dos economistas do mercado e do número revisado da semana anterior, segundo dados do Departamento de Trabalho publicados nesta quinta-feira (17).

Foram solicitados 412 mil benefícios, contra os 375 mil anteriores e os 359 mil pedidos esperados.

Já o número de solicitações contínuas subiu de 3,517 milhões para 3,518 milhões, acima do previsto de 3,43 milhões.

Covid-19

O número de casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus subiu para 17.628.588. Em 24 horas, até às 18:10 de ontem (16), as autoridades de saúde confirmaram 95.367 novos diagnósticos positivos da doença. 

Já o total de mortes em função da covid-19 subiu para 493.693. Foram acrescidos às estatísticas 2.997 novos óbitos.

No balanço não foram computados os dados relativos ao Rio Grande do Sul.

Até o momento, foram enviadas a estados e municípios 110.471.288 de doses de vacinas contra a covid-19. Deste total, foram aplicadas 76.695.677 doses, sendo 54.715.698 da primeira dose e 21.979.979 milhões da segunda dose.

A vacinação da segunda dose é fundamental para garantir a imunização e não é considerada apenas um reforço. Por isso, todos devem tomar a segunda dose, mesmo que com atraso.

Com informações de Agência Brasil e Investing.com

Veja como as ações operaram hoje no Ibovespa

Deixe seu Comentário

Warren 970x250 - pgs internas
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app:
Warren Rodapé
Warren Rodapé Mobile