Menu
Busca sexta, 17 de setembro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Ultrapar

Ultrapar sobe mais de 2%, apesar de queda no lucro do 1º trimestre

14 maio 2020 - 12h33Por Investing.com
Por Gabriel Codas Investing.com - As ações da Ultrapar (SA:UGPA3) operam com ganhos na parte da manhã desta quinta-feira na B3, indo em direção oposta ao Ibovespa imerso no sentimento de aversão ao risco hoje. A Ultrapar anunciou na noite de ontem, após fechamento do mercado, que encerrou o primeiro trimestre como lucro líquido atribuível aos acionistas de R$ 160,9 milhões, o que representa uma redução de 31% na base anual. O resultado foi influenciado pelo resultado financeiro negativo de R$ 16 milhões. Mesmo assim, ficou acima da mediana de R$151,8 milhões do consenso dos analistas de mercado consultados pela Bloomberg. Assim, os papéis tinham ganhos de 3,78% a R$ 13,99 por volta das 12h30, chegando a disparar mais de 5% logo na abertura em dia de predominância do pessimismo na sessão de hoje. O Ibovespa registrava perdas de 2,09% a 76.145 pontos, com mínima em 75.696 pontos. No período, a receita líquida da companhia foi de R$ 21,4 bilhões, superando em 3% o registrado há um ano, apesar do impacto inicial da covid-19 nas vendas em volume da Ipiranga. O resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado somou R$ 880 milhões, avanço de 12%.

Avaliação dos analistas

Na visão do BTG Pactual (SA:BPAC11), embora o setor de distribuição de combustível deva ser duramente atingido pela Covid19, a recuperação da crise (sempre que ocorrer) também pode significar que a demanda acabará perto de onde estava antes do surto, em relação ao PIB. Para os analistas, em uma base normalizada, a menos que a Ipiranga perca muita capacidade de distribuição, agora ela possivelmente apresenta a avaliação menos exigente do setor. Eles entendem que a Ultrapar tem claramente perdido seu apelo premium após anos de alocação questionável de capital e execução irregular, não prevendo uma desvantagem significativa a partir daqui. A XP Investimentos destaca que o Lucro Líquido veio acima da estimativa de R$130,2 milhões (+ 24%), mas ligeiramente acima do consenso de mercado compilado pela Bloomberg de R$151,8 milhões (+ 6%). A corretora espera uma reação positiva do mercado aos resultados trimestrais da Ultrapar, tendo em vista que o EBITDA Ajustado e Lucro Líquido registrados no período ficaram acima do esperado e do consenso de mercado. A equipe acredita que é cedo para ficar otimista com as ações, diante dos desafios impostos pela pandemia do COVID-19, especialmente para a distribuidora de combustíveis Ipiranga, a divisão mais importante do grupo. A recomendação Neutra nas ações Ultrapar foi mantida, com um preço alvo de R$15/ação. Já para a Mirae Asset, o resultado da Ultrapar ficou acima da expectativa de mercado e surpreendeu no seu resultado operacional. A corretora espera um impacto mais significativo no 2T20, principalmente na Ipiranga, decorrente do covid-19, mas com a expectativa de recuperação gradual da economia a partir e junho/20, o resultado deve melhor a partir do 3T20. Os analistas mantêm a recomendação de compra, com visão de médio/longo prazo, esperando um segundo semestre mais promissor.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: