sábado, 04 de dezembro de 2021
Vale

TJ-MG libera produção na mina de Brucutu da Vale

17 abril 2019 - 10h34Por Angelo Pavini
A Vale informou hoje que o presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais suspendeu parcialmente a decisão liminar da Vara Única da Comarca de Santa Bárbara, proferida em 22 de março de 2019, que suspendia as atividades na mina de Brucutu. Com a decisão, segundo a Vale, as operações na mina poderão ser integralmente retomadas em até 72 horas. A mina de Brucutu tem capacidade para produzir 30 mil toneladas por ano. As operações dessa e de outras minas foram suspensas após o rompimento da barragem da Mina do Córrego do Feijão, em Brumadinho, em 25 de janeiro, que matou mais de 200 pessoas e levantou suspeitas sobre as condições de segurança de outras barragens da mineradora. Não deixe o seu dinheiro parado nos bancos! Abra sua conta na Genial Investimentos! A liminar suspendendo as atividades foi dada em ação civil pública n° 5000153-77.2019.8.13.0572, movida pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais (“MPMG”), especificamente quanto à determinação de interrupção imediata de qualquer atividade que importasse elevação/incremento de risco de rompimento das estruturas de contenção de rejeitos situadas no Município de São Gonçalo do Rio Abaixo. Apesar da retomada de Brucutu, fortes chuvas em São Luís do Maranhão nos meses de março e abril impactaram os embarques no terminal de Ponta da Madeira, o transporte ferroviário na EFC e, por consequência, a produção do Sistema Norte. “Face a esses dois eventos, a Vale reafirma seu guidance de vendas de minério de ferro e pelotas de 307-332 mil toneladas, anteriormente informado, e informa que a expectativa atual é que as vendas fiquem em torno do centro da faixa”, informou a empresa. O post TJ-MG libera produção na mina de Brucutu da Vale apareceu primeiro em Arena do Pavini.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content