Menu
Busca quarta, 20 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Economia

Shoppings tiveram queda de 68,7% nas vendas até o dia 14 de junho, diz jornal

23 junho 2020 - 12h47Por Investing.com
Por Gabriel Codas Investing.com - Entre os dias 2 de março e 14 de junho deste ano, a pandemia do novo coronavírus causou queda de 68,7% nas vendas dos shoppings. Os dados são de levantamento da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) em matéria publicada nesta terça-feira na edição da Coluna do Broadcast, do jornal O Estado de S.Paulo. Apesar disso, o entendimento do setor é que o pior momento já passou. O presidente da entidade, Glauco Humai, destaca que o fundo do poço foi em meados de abril, quando a queda de faturamento foi de 87%. Com as medidas de flexibilização da pandemia, as perdas foram reduzidas mesmo com horários e capacidade reduzida. No fim de semana do Dia dos Namorados, por exemplo, as vendas foram “só” 26% menores do que na mesma data comemorativa do ano anterior. A estimativa é que o estejam abertos 79%, o que representa um total de 448 shoppings. Com a reabertura, lojas de telefonia e eletrodomésticos têm conseguido arcar com os custos e atingir algum lucro. Humai afirma que manter o funcionamento reduzido a 8 horas em algumas cidades e a 4 horas em outras, como em São Paulo, não é sustentável. Restrição A Aliansce (SA:ALSO3) Sonae Shopping Centers informou que, em função do aumento da ocupação dos leitos nas respectivas redes de saúde locais, devido a evolução da pandemia de Covid-19, os shopping centers Parque D. Pedro Shopping e Uberlândia Shopping, fecharão temporariamente suas operações com funcionamento apenas das atividades essenciais. Atualmente, dezenove Shoppings do portfólio próprio estão em operação, o que corresponde a 64% do total de NOI e 58% da ABL própria. Os ativos que se encontram temporariamente fechados seguem funcionando com as atividades de delivery e Drive-Thru&Pick-up, além dos serviços essenciais. Já a Iguatemi (SA:IGTA3) Empresa de Shopping Centers informou o fechamento temporário do I Fashion Outlet Novo Hamburgo, enquanto durar a determinação da Autoridade Pública. Restaurantes e estabelecimentos de alimentação poderão funcionar exclusivamente na modalidade de delivery e drive thru, no horário das 12h às 20h. Já o Iguatemi Porto Alegre e Praia de Belas estarão funcionando em horário reduzido das 11h30 às 20h apenas para as operações consideradas essenciais (farmácia, estabelecimentos e serviços na área da saúde, óticas, Policia Federal, supermercado, bancos, terminais de autoatendimento, correios, lotéricas e alimentação), permanecendo permitido para estas operações os sistemas de delivery e drive thru. Restaurantes e estabelecimentos de alimentação deverão funcionar com atendimento presencial somente das 11h30 às 17h (na modalidade de Delivery e Drive Thru o atendimento poderá ser até às 22h). No caso da Multiplan (SA:MULT3), mantém-se permitidas em Canoas, com horários restritos, o funcionamento de operações de serviços essenciais à sociedade localizadas em shopping centers, tais como supermercados, farmácias e bancos, além de operações na modalidade delivery, take-away e drive-thru. As outras atividades comerciais estão suspensas no município.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: