Menu
Busca domingo, 17 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Selic

Redução da Selic: 5 pontos de atenção, segundo a Eleven

23 junho 2020 - 09h42Por Redação SpaceMoney

Você provavelmente já sabe que, na semana passada, a taxa Selic caiu e atingiu o nível mais baixo da história, a 2,25% ao ano (se não sabe, tudo bem: a SpaceMoney explicou tudo neste link).

Sobre essa redução, em relatório divulgado na última segunda-feira (22), a Eleven Financial Research, casa especialista em análises de mercado, separou 5 pontos importantes para se prestar atenção a partir de agora. São os seguintes: 

Contração

Principalmente por conta da pandemia de coronavírus, o Brasil registrou queda do PIB no primeiro trimestre de 2020 em relação ao de 2019. 

Apesar disso, a Eleven ressalta que o segundo trimestre deve ser ainda mais difícil: Indicadores como o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) mostram que o mês de abril teve resultados piores quando comparado a março. 

Limite nos cortes

Também é importante lembrar que os cortes na Selic têm limites, com o Copom já tendo anunciado que o espaço para novas reduções é praticamente nulo. 

A próxima reunião do Comitê ocorre entre os dias 4 e 5 de agosto. 

Deterioração Fiscal

O Estado já vinha gastando mais do que arrecada há algum tempo, e isso só piorou no cenário de pandemia.

 Alguns gastos inicialmente pensados como provisórios terão de ser estendidos e, segundo projeções do Instituição Fiscal Independente (IFI), o estoque de dívida bruta pode até ultrapassar os 100% do PIB em um cenário pessimista.

Importância das reformas

A Eleven também destaca que reformas estruturantes serão necessárias para uma retomada sustentável da economia. Os posicionamentos do Copom, inclusive, mostram que fugir desse fator pode resultar em problemas com a contenção de gastos públicos, e acabar elevando a taxa estrutural de juros. 

Reflexos no crédito

Por último, o relatório lembra que, segundo o Banco Central, as medidas tomadas para estimular o crédito podem aquecer a economia nacional, o que reduziria os riscos em um cenário de prolongamento da pandemia. 

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: