sábado, 18 de maio de 2024
SpaceRecomendações

Alupar (ALUP11): despesas financeiras derrubam lucro líquido. E agora?

Em momento que sucedeu a divulgação do balanço, a Genial Investimentos reiterou a recomendação de compra para as ações da empresa

11 maio 2023 - 13h32Por Lucas de Andrade
Alupar- parque eólico São JoãoAlupar- parque eólico São João - Crédito: Silas Soares Oliveira

A Alupar (ALUP11) registrou um lucro líquido regulatório de R$ 144 milhões no primeiro trimestre, uma queda de 13,6% na base de comparação anual.

Em momento que sucedeu a divulgação do balanço, a Genial Investimentos reiterou a recomendação de compra para as ações da empresa, com um preço-alvo de R$ 34,00.

Na visão dos analistas, a companhia ainda desponta como uma tese interessante que possui um potencial de valorização relevante em relação ao nível de preços em que as ações são negociadas.

Para esse trimestre, a empresa apresentou um resultado operacional pouco abaixo das estimativas dos analistas Israel Rodrigues e Vitor Sousa e do consenso de mercado.

Analistas elencaram como destaques:

  • - o aumento da receita operacional derivado da entrada operacional de uma de suas linhas em desenvolvimento (ESTE); e
  • - reajuste tarifário inflacionário das linhas de transmissão, ligeramente compensados pela queda na receita de algumas linhas devido a entrada em operação do seu 15º ano (linhas da categoria II sofrem queda em suas receitas). 

 

Com a queda na receita de algumas de suas linhas, as margens foram ligeiramente afetadas.

Além disso, o custo da dívida em patamares elevados somados ao maior estoque de endividamento acabaram por elevar a despesa financeira e derrubar o lucro líquido.

Apesar disso, Rodrigues e Sousa não veem o resultado desse trimestre como recorrente, a ponto de afetar o case da empresa.

Tags: ALUP11, Alupar