segunda, 06 de dezembro de 2021
China

Puxado por eleição argentina e guerra comercial, Ibovespa fecha com forte queda

12 agosto 2019 - 17h46Por Redação SpaceMoney
O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, encerrou o pregão desta segunda-feira (12) com forte queda. A desvalorização foi de 2%, fazendo o Ibovespa encerrar a sessão aos 101.915,22 pontos. Um dos fatores que influenciou a queda do índice foi o resultado das eleições primárias para a presidência da Argentina. Com vantagem de 15 pontos, Alberto Fernández e sua vice, Cristina Kirchner, da chapa Frente de Todos, lideraram a vitória contra o atual presidente e seu vice, Maurício Macri e Miguel Ángel Pichetto, da chapa Juntos Pela Mudança. O mercado reagiu caoticamente a esse resultado, porque há receio de que Cristina Kirchner volte ao poder como vice e acabe por provocar um calote na dívida pública e a retomada das políticas populistas de controles de preços. Além disso, a disputa entre Estados Unidos e China continua acirrada e sem previsão de uma pacificação entre os dois países. Na sexta-feira,09, o presidente Donald Trump afirmou que não estava pronto para fazer um acordo com o país asiático e questionou próximas negociações. Dólar Ao contrário da bolsa brasileira, o dólar comercial encerrou o dia com forte valorização de 1,058 %, cotado a R$ 3,98. A moeda norte-americana sofreu influencia dos mesmos fatores expostos acima.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content