Menu
Busca terça, 19 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
petróleo

Preços do petróleo sobem após impacto de previsão de demanda da AIE

10 julho 2020 - 13h27Por Investing.com

Os preços do petróleo tinham uma recuperação parcial no início das negociações em Nova York na sexta-feira (10), depois de caírem mais cedo em resposta a um aviso de que a disseminação do coronavírus nos EUA e em muitos mercados emergentes está "lançando uma sombra" sobre o mercado e a recuperação econômica global.

s após o lançamento do relatório mensal da Agência Internacional de Energia. O benchmark internacional Brent também subia 1,75%, em US$ 43,09 por barril, um aumento de mais de US$ 1 em relação à mínima intradiária.

Os contratos futuros de gasolina RBOB, que também caíram ao longo da noite, subiam 1,94%, para US$ 1,2748 por galão.

Em seu relatório, a AIE alertou que "o forte crescimento de novos casos de Covid-19, que causaram a reimposição de bloqueios em algumas regiões, incluindo a América do Norte e a América Latina, está projetando uma sombra sobre as perspectivas".

"Embora o mercado de petróleo sem dúvida tenha progredido desde o ‘Abril Negro’, a aceleração do número de casos de Covid-19 em alguns países é um lembrete perturbador de que a pandemia não está sob controle e que há risco para as perspectivas do mercado", disse a agência.

Apesar disso, a AIE revisou sua previsão de demanda média neste ano em cerca de 400.000 barris por dia, para 92,1 milhões de bpd, tendo concluído que a queda na demanda no segundo trimestre não foi tão aguda quanto se pensava inicialmente.

A AIE agora espera que a demanda caia em 7,9 milhões de bpd em 2020 e recupere 5,3 milhões de bpd em 2021.

A recuperação intradiária deveu-se muito a uma reação positiva das ações às notícias sugerindo que a busca por uma vacina contra a Covid-19 está progredindo a uma velocidade sem precedentes. No entanto, também foi apoiada por aumentos sustentados em preços de outras commodities industriais nesta semana, impulsionados pelo reabastecimento na China. Os relatórios da Wire sugeriram que as refinarias estatais chinesas pretendem aumentar seus preços de combustível no fim de semana.

A oferta também está tendendo para cima. A Líbia suspendeu a reivindicação de força maior em relação aos embarques de todos os seus terminais de exportação na sexta-feira, segundo notícias. No entanto, ainda não está claro quanto petróleo o país pode produzir, devido à guerra civil em andamento. A AIE observou que a oferta da Líbia pode aumentar em até 900.000 bpd até o final do ano, se a guerra enfraquecer.

Por Geoffrey Smith, da Investing.com -

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: