Menu
Busca sexta, 15 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Lucro

Porto Seguro lucra 14% mais no 2º tri

02 agosto 2019 - 12h30Por Angelo Pavini
A Porto Seguro registrou lucro líquido de R$ 381 milhões no segundo trimestre, 14% a mais que no mesmo período do ano passado, acumulando R$ 681 milhões no primeiro semestre, 11% acima do resultado de 2018. O retorno sobre o patrimônio médio, que mostra o ganho dos acionistas com o valor investido na empresa (ROAE), alcançou 22,2% no trimestre e 19,7% no semestre. Como referência, a rentabilidade dos negócios da Empresa com capital ajustado (sem excesso) e considerando uma rentabilidade de investimentos de 100% do CDI, o retorno seria de 23,6% no trimestre e de 23,2% no semestre. Em comunicado, a Porto Seguro diz que continuou ampliando a sua rentabilidade, apesar da compressão das receitas. A lucratividade foi favorecida pelo aumento do resultado dos Negócios Financeiros e Serviços e pelo retorno sobre as aplicações financeiras. Nas operações de Seguros, a redução dos efeitos das chuvas permitiu uma melhoria da sinistralidade em comparação ao primeiro trimestre deste ano.

Quer investir em ações? Abra uma conta na XP Investimentos: online, rápido e grátis

Prêmios caem e sinistros de carros diminuem

Os prêmios de Seguros decresceram 2,3% no trimestre e 1,1% no semestre, em função do longo período de desaquecimento da economia e da redução do risco. A frota segurada da Porto Seguro aumentou em 200 mil veículos em relação a junho de 2018 e o recuo nos prêmios de Auto reflete o ajuste técnico nos preços decorrente da redução das frequências de roubo e furto. Os prêmios de Vida e de Saúde apresentaram crescimento de 10% em relação ao segundo trimestre do ano passado. O índice combinado, que soma as perdas com sinistralidade e as despesas, melhorou e caiu 1,8 ponto percentual em relação ao primeiro trimestre deste ano, o que é explicado principalmente pela menor sinistralidade no seguro Auto (de 58,2% no primeiro trimestre para 54,0% no segundo). A Porto Seguro diz que continua executando diversas iniciativas para melhoria da eficiência, conseguindo manter as despesas administrativas e operacionais estáveis. Elas apresentaram queda de -0,2 ponto no semestre em relação ao ano passado. Os Negócios Financeiros cresceram 9% e as receitas de Serviços ajustadas se expandiram em 7% no segundo trimestre sobre o mesmo período do ano passado. O resultado consolidado desses negócios evoluiu consideravelmente, alcançando um lucro de R$ 76 milhões e retorno sobre o patrimônio (ROAE) de 26,0% no segundo trimestre. O resultado financeiro foi 46% superior em relação ao segundo trimestre de 2018, impulsionado pelo desempenho das alocações em títulos com juros indexados à inflação, prefixados e ativos de renda variável. A rentabilidade trimestral da carteira (ex-previdência) foi de 2,4% (158% do CDI) no trimestre e de 4,8% (157% do CDI) no semestre. Segundo a empresa, os resultados refletem um nível mais elevado de rentabilidade, fruto dos esforços em curso para aumento de eficiência operacional e melhor uso do capital. O maior desafio é a aceleração do crescimento das receitas, especialmente nos seguros Auto e Patrimoniais. Para isso, estão sendo desenvolvidas iniciativas com o objetivo de aprimorar a oferta dos produtos, preservando o foco na diferenciação, inovação e rentabilidade, alinhados às necessidades e preferências dos clientes. A Porto Seguro segue otimista com um crescimento mais robusto da economia, especialmente após a reforma da Previdência, diz a empresa. O post Porto Seguro lucra 14% mais no 2º tri apareceu primeiro em Arena do Pavini.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: