segunda, 29 de novembro de 2021
comércio

Peste suína na China aumenta exportações brasileiras de carne e beneficia JBS e Marfrig, diz corretora

10 junho 2019 - 10h00Por Angelo Pavini
Segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) e da Associação Brasileria de Proteína Animal (ABPA), as exportações brasileiras de carne de frango in natura e processadas somaram 381,1 mil toneladas em maio, alta de 14,4% sobre o mesmo mês do ano passado e de 3,6% de janeiro a maio, com a receita de vendas totalizando US$ 658,9 milhões no mês, valor 27,3% maior que em 2019. No acumulado do ano, o aumento da receita foi de 6,3% até maio. Segundo a corretora XP Investimentos, a China, atingida pela peste suína africana, que obriga o país a reduzir sua criação, foi o principal destino das exportações brasileiras, correspondendo a 14,7% do total exportado, valor 49% maior que o mesmo mês do ano passado. Segundo Francisco Turra, presidente da ABPA, “o efeito gerado no mercado pela crise sanitária no país asiático impulsionou as importações, o que gerou efeitos também na rentabilidade do mercado, com elevação de preços médios”. Além da China, também houve aumento da participação dos Emirados Árabes, correspondendo por 8,2% do total exportado pelo Brasil (aumento de 49% sobre o ano passado), e para a União Europeia, 7% do total (alta de 26% em relação a 2019). Ricardo Santin, diretor-executivo da ABPA, disse ainda que há boas notícias vindas do México, para onde os embarques deverão ganhar novo impulso com a publicação de cotas adicionais de importação, cita a XP em relatório. Segundo a corretora, a proliferação da peste suína africana na China já está portanto surtindo efeitos, com os frigoríficos brasileiros sendo claros beneficiários. Preocupações com o desequilíbrio da oferta e a demanda global de proteínas já impulsionaram as ações, mas, na visão da XP, há mais por vir. “Reiteramos recomendação de Compra na JBS, que segue como nosso nome preferido dentre os frigoríficos, seguido pela Marfrig, e mantemos recomendação neutra em BRF”, diz a corretora. O post Peste suína na China aumenta exportações brasileiras de carne e beneficia JBS e Marfrig, diz corretora apareceu primeiro em Arena do Pavini.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content