Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Tape reading

O que é tape reading?

15 junho 2020 - 17h27Por Carolina Unzelte

Para entender o que é tape reading, puxe na memória os filmes que mostram a gritaria que era a bolsa de valores na época do pregão viva-voz. Em tradução livre, a expressão significa leitura de fita -- isso porque, ainda no século XIX, os negócios eram transmitidos por uma máquina, que imprimia uma lista comprida, lida pelos investidores. Ela registrava o horário das compras e vendas que aconteciam com determinado ativo. 

"Naquela época, havia um intervalo grande entre o negócio em si e o registro na fita, mas era como os investidores visualizavam as negociações em 'tempo real'", conta Juliano Freitas, fundador do TraderHub. "Hoje, é quase instantâneo".

Mas, para que serve essa leitura hoje? Com base no volume e frequência das transações, os investidores podem achar oportunidades. "Lendo o histórico dos negócios, é possível filtrar uma entrada institucional, mais agressiva, e consolidar uma janela de entrada", explica Juliano. Assim, a técnica do tape reading é utilizada, geralmente, por traders que visam lucro no curto prazo. 

Por exemplo: observando os movimentos de compra e venda, identifica-se que há muitas ordens de compra para uma determinado ativo -- ou seja, os preços tendiam a subir. Assim, você pode adquirir também o papel, na esperança de valorização futura. 

Assim como outras estratégias, o tape reading apresenta melhores resultados quando utilizado em conjunto com outros métodos, como a análise técnica. "Ele também envolve aspectos mais subjetivos", explica Juliano. "Como o treinamento visual, feeling, para entender rapidamente se a tendência é compradora ou vendedora". 

Aprendendo a ler

A chave para usar a técnica e entender as ordens com sucesso, para Juliano Freitas, é compreender a interação entre o book de ofertas, ou seja, as ordens que estão esperando a execução e mostram as intenções dos players, e o livro histórico, que revela as ordens já executadas. 

"Priorizar objetividade e clareza na tela, deixando as informações essenciais de preços, volumes e horários, ajudam a fazer uma leitura rápida do momento", recomenda o especialista. 

E, além disso, como tudo no mundo dos investimentos, tape reading exige uma boa dose de disciplina e tempo para estudar. "O início pode ser complicado, mas a experiência ajuda a ter bons resultados", diz Juliano. "É preciso paciência".

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: