Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
cmn banco central

Moody's: empréstimos do BC apoiarão bancos durante coronavírus

08 abril 2020 - 16h06Por Redação SpaceMoney

Em relatório publicado ontem (7), a Moody's Corporation avalia como positiva a medida do Conselho Monetário Nacional (CMN) que permite empréstimos do Banco Central (BC) a outros bancos. Em 2 de abril, o Conselho Monetário do Brasil (CMN) autorizou o Banco Central do Brasil a emprestar dinheiro a bancos em uma nova modalidade de empréstimo, tomando como lastro as carteiras de crédito. Essa é uma Linha Temporária Especial de Liquidez (LTEL). Liquidez é o recurso disponível no mercado para que as instituições ofereçam crédito. A Moody's destaca que "é um cenário que a disseminação do novo coronavírus aumentou significativamente os custos de financiamentos oferecidos por bancos menores." Instituições de médio porte serão beneficiadas. Entre elas estão o Banco Pan, Cetelem, BV, Ford, BMG, entre outros listados no artigo da Moody's. O novo mecanismo de empréstimos permite um custo de 0,6% ao ano sobre a taxa básica Selic, e representa uma fonte barata de liquidez adicional para instituições. "Muitos desses bancos se concentram em empréstimos consumidores e pequenas e médias empresas (PME) e é mais provável que experimentem uma aumento substancial das dívidas renegociadas, aumentando a probabilidade de usarem a facilidade para reforçar sua liquidez ao longo do ano", analisam especialistas. A aplicação será de, aproximadamente, R$ 650 bilhões. A emissão de notas garantidas pelos bancos é limitada a 100% de seu capital regulatório e o BC começará a conceder empréstimos a bancos a partir de 20 de abril.  

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: