segunda, 06 de dezembro de 2021
Grupo Soma

IPO do Grupo Soma: analista da Nord avalia se participação vale a pena

24 julho 2020 - 19h02Por Redação SpaceMoney

Rafael Ragazzi, da Nord Research, retomou o desempenho recente do soma/">Grupo Soma para analisar se vale a pena entrar em seu IPO. Embora a empresa tenha mantido bons resultados dentro do setor de moda — mesmo com a economia abalada, Rafael considera que ela não consegue garantir resultados consistentes a longo prazo. 

Além do preço das ações ser elevado, um outro fator que influenciou a recomendação negativa foi o destino que terão os recursos gerados pelo IPO, que devem ser próximos de 1,3 bilhão de reais. Para o analista, a quantia deveria ir para o crescimento da empresa: aquisição de novas marcas, investimentos em tecnologia e abertura de lojas, por exemplo. 

Apesar disso, desse valor, 305 milhões de reais já estão destinados ao pagamentos de dividendos; 188 milhões foram aprovados para dividendos adicionais; e 182 milhões seriam usados para amortizar dívidas. No fim, apenas 605 milhões iriam de fato para o crescimento do Grupo.

Quer começar a investir em ações? Fale com um especialista SpaceMoney

E, ainda, caso sejam ofertados lotes de ações suplementares ou adicionais, esses lucros iriam para os 43 acionistas vendedores. Para Ragazzi, "parece que o Grupo Soma queria fazer uma oferta secundária, mas ficou com vergonha de admitir". 

À parte as críticas, o analista mostrou que os números da empresa têm se destacado no setor de moda. A forte presença no E-commerce é um outro ponto positivo. A recomendação negativa, então, se baseia em uma avaliação para um período mais longevo.

O prazo para fazer a reserva de ações do IPO se encerra na segunda-feira, dia 27. O valor mínimo de participação é de R$ 3 mil; e o máximo, R$ 1 milhão.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content