Menu
Busca sábado, 16 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
ibovespa

Ibovespa vira e registra leves ganhos; dólar sobe mais de 1%

13 abril 2020 - 13h44Por Redação SpaceMoney

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, operava em leve alta durante a sessão desta segunda-feira (13), seguindo os índices norte-americanos. Por volta das 13h40, os ganhos eram de 0,27%, aos 77.887,81 pontos, após começar o dia em queda. O dólar comercial negociava em alta. A moeda norte-americana tinha valorização de 1,8% e era cotada a R$ 5,182 ante o Real. Veja os principais fatores que influenciam o mercado financeiro na sessão de hoje:

Mercados internacionais

No Japão, o Nikkei 225 fechou com leve queda de 0,03%, enquanto o Shangai Composite subiu 0,37%. Em Nova York, Dow Jones caía 1,82%, S&P 500 cedia 1,63% e a Nasdaq perdia 0,62%. As bolsas europeias estão fechadas nesta segunda-feira, devido ao feriado de Páscoa.

OPEP

Os preços do petróleo seguem voláteis mesmo com as novidades do lado da oferta. Na noite do último domingo, a Organização dos Países Produtores de Petróleo (Opep) e aliados anunciaram o esperado acordo para resolver a sobreoferta da commodity. O corte será de 9,7 milhões de barris por dia, ou seja, 10% da oferta global, a partir do dia 1º de maio. Depois, a redução será de 8 e 6 milhões, até abril de 2022. Resta saber se a medida será suficiente, considerando a demanda em queda.

Coronavírus

No mundo, os casos do novo coronavírus se aproximam de 2 milhões, além de mais de 115 mil mortes. Segundo números mais recentes, a doença parece arrefecer na Europa, enquanto atinge seu pico nos Estados Unidos. No Brasil, são mais de 22 mil infectados e 1241 óbitos. Em live, o presidente Jair Bolsonaro disse que “depois de 40 dias, o vírus parece estar indo embora”. No entanto, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou em entrevista ontem que dias “muito duros” virão em maio e junho.

Novas estimativas

O Banco Mundial estima que o PIB brasileiro deve encolher 5% em 2020. O ministério da Economia trabalha com a projeção de queda de 4%, considerando que a paralisação com a pandemia do covid-19 pode se estender por mais quatro meses. As projeções dos economistas, compiladas no Boletim Focus divulgado na manhã desta segunda-feira, apontam para uma queda maior no PIB de 2020: 1,96%, contra 1,18% na semana passada. Por outro lado, a estimativa para a inflação caiu, de 2,72% para 2,52%.

Em Brasília

No Legislativo, a pauta da semana é a ajuda a estados e municípios, que deve custar até R$ 222 bilhões aos cofres públicos, segundo Mansueto Almeida, secretário do Tesouro Nacional. No acordo, autoridades locais devem suspender reajustes de salário por dois anos.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: