Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Ibovespa ao vivo

IBOVESPA REGISTRA ALTA DE 0,7%; DÓLAR CAI FORTE E FICA A R$ 5,15

23 junho 2020 - 17h22Por Redação SpaceMoney

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, fechou o pregão desta segunda-feira (22) em alta, na esteira dos mercados internacionais.

Ao final da sessão, os ganhos foram de 0,7%, aos 96.000 pontos. Mais cedo, a alta chegou a ultrapassar 1%.

Além do alívio com a continuidade do acordo comercial entre EUA e China, as bolsas estrangeiras refletiram o otimismo com a melhora nos indicadores econômicos.

O dólar, por sua vez, caiu, com o maior apetite ao risco dos investidores. A moeda norte-americana registrou forte desvalorização de 2,259%, cotada a R$ 5,153.

Veja os fatores que influenciaram os mercados hoje:

Mercados internacionais

Ásia (encerrados)

Nikkei 225 (Jap): 0,50% ↑

Shangai Composite (Chi): 0,18% ↑

Europa (encerrados)

DAX 30 (Ale): 2,13% ↑

FTSE 100 (Ing): 1,21% ↑

CAC 40 (Fra): 1,39% ↑

EUA (encerrados)

Dow Jones: 0,50% ↑

S&P 500: 0,43% ↑

Nasdaq: 0,78% ↑

EUA x China

Os mercados experimentaram alívio após volatilidade causada pela fala do assessor comercial dos EUA, Peter Navarro, que afirmou que o acordo com a China teria "acabado", em meio à pandemia do novo coronavírus. Pouco depois, Navarro voltou atrás, além de ter sido desmentido pelo próprio presidente Donald Trump, que disse que o acordo estava "intacto" no Twitter:

https://twitter.com/realDonaldTrump/status/1275252814206447618

Ata do Copom

Hoje cedo, foi divulgada a ata da última reunião do Copom, que aconteceu na semana passada e levou a Selic a 2,25% ao ano. O documento deixou a porta aberta para um novo corte, além de sinalizar sobre “a elevação abrupta da incerteza sobre a economia", que pode levar a "aumento da poupança precaucional e consequente redução significativa da demanda agregada”.

Dados econômicos

Na Europa, a prévia dos PMIs (índices dos gerentes de compras) apontou para recuperação da atividade econômica em junho. No Reino Unido, a alta foi de 30 para 47,6; já na França, o indicador passou de 50. No agregado, o PMI da Zona do Euro foi de 47,5.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: