Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Ibovespa

Ibovespa futuro segue Wall St. e começa a semana com valorização

22 junho 2020 - 09h38Por Investing.com

Por Gabriel Codas

Investing.com - O índice futuro do Ibovespa inicia a segunda-feira com valorização de 0,96% aos 97.078 pontos às 09h23, seguindo assim a tendência positiva de Wall Street. O dólar opera em queda nos primeiros negócios, com baixa de 0,70% a R$ 5,2702.

O mercado começa a semana com uma agenda econômica sem grandes indicadores de destaque. No entanto, a volatilidade deve permanecer no mercado no meio dos estímulos econômicos que podem surgir em uma eventual nova onda de infecções pelo coronavírus.

No Brasil, segue no radar os desdobramentos das relações tumultuadas entre o Executivo Federal, o STF, Congresso e governadores.

- Cenário Interno

Confiança da Indústria

A confiança da indústria no Brasil provavelmente mostrará forte recuperação em junho, registrando a maior variação mensal positiva da série depois de uma melhora na percepção dos empresários sobre a situação atual e sobre os próximos meses.

A Fundação Getulio Vargas informou nesta segunda-feira que a prévia da Sondagem da Indústria sinaliza que o Índice de Confiança da Indústria (ICI) deverá aumentar 15,2 pontos em relação ao mês anterior em junho, para 76,6 pontos. Caso o resultado se confirme, essa será a maior variação mensal positiva já registrada.

“O avanço da confiança em junho é resultado da melhora da avaliação dos empresários em relação ao presente e, principalmente, para os próximos três e seis meses”, disse a FGV em nota.

O Índice de Expectativas — que mostra a percepção dos empresários sobre o futuro da indústria — deve saltar 20,6 pontos, para 75,5 pontos, recuperando nos últimos dois meses mais da metade da queda observada em abril.

Coronavírus

O Brasil superou oficialmente a marca das 50 mil mortes por Covid-19 ao registrar neste domingo 641 novos óbitos pela doença decorrente do vírus nas últimas 24 horas, segundo dados do Ministério da Saúde.

o todo, são 50.617 mortes pela doença decorrente da infecção pelo novo coronavírus.

No domingo, o país chegou a 1.085.038 casos confirmados, registrando 17.459 novas infecções.

Os dados apontam para uma taxa de letalidade de 4,7%.

A contagem de casos e mortes por Covid-19 no Brasil tende a desacelerar nos finais de semana e segundas, quando há um atraso nas notificações, e ganhar ritmo ao longo da semana, conforme os testes são processados.

- Cenário Externo

China

A China manteve sua taxa de empréstimo referencial pelo segundo mês seguido nesta segunda-feira, em linha com as expectativas, depois de o banco central ter deixado os custos sobre empréstimos de médio prazo inalterados na semana passada.

A taxa primária de empréstimo de um ano (LPR) CNYLPR1Y=CFXS permaneceu 3,85%, enquanto a LPR de cinco anos CNYLPR5Y=CFXS foi mantida em 4,65%.

As movimentações na LPR afetam os preços que os credores cobram de empresas e famílias para empréstimos, e a taxa de cinco anos influencia as hipotecas.

Pesquisa da Reuters com operadores e analistas realizada na semana passada mostrou que mais de 70% dos participantes esperava que a China mantivesse a taxa de empréstimo este mês. Apenas 20% previam um corte marginal na LPR de um ano.

Argentina

A Argentina prorrogará o prazo para negociações de reestruturação da dívida de 65 bilhões de dólares em mais de um mês, informou o Ministério da Economia do país nesta sexta-feira, depois que as conversas com os credores sofreram abalo nesta semana.

A extensão para 24 de julho ocorre em meio a um impasse entre credores e o governo, com um grupo de detentores de títulos classificando as negociações nesta semana como um “fracasso”. A Reuters havia noticiado que o prazo de sexta-feira seria adiado.

O atraso dá espaço para que os dois lados aliviem tensões e diminuam a divisão restante depois de terem feito progresso significativo nos últimos meses.

A Argentina —grande produtor de grãos que em maio deixou de honrar compromissos de dívida pela nona vez— melhorou duas vezes a proposta de renovar sua dívida externa. Um acordo é fundamental para evitar um longo e confuso impasse legal.

BOLSAS INTERNACIONAIS

Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,18%, a 22.437 pontos. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,54%, a 24.511 pontos. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,08%, a 2.965 pontos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,08%, a 4.102 pontos.

A semana começa negativa para os mercados de ações da Europa. Em Frankfurt, o DAX tem perdas de 0,70% aos 12.241 pontos, enquanto que em Londres, o FTSE cede 0,37% aos 6.269 pontos. Já em Paris, o CAC recua 0,59% aos 4.950 pontos.

COMMODITIES

A jornada que abriu a semana foi marcada por uma importante queda nos preços dos contratos futuros do minério de ferro, que são negociados na bolsa de mercadorias da cidade de Dalian, na China. O ativo com o maior volume de operações, com vencimento para o mês de setembro deste ano, as perdas foram de 2,21% para 753,50 iuanes por tonelada, o que representa recuo de 17,00 iuanes em relação aos 770,50 iuanes de liquidação anterior.

Apesar de negativa, a sessão desta segunda-feira teve como principal característica a cotação praticamente estável dos papéis futuros do vergalhão de aço, que são transacionados na também chinesa bolsa de mercadorias da cidade de Xangai. O contrato com mais liquidez, e data de entrega para outubro de 2020, perdeu 9 iuanes para 3.620 iuanes por tonelada. Já o de janeiro, segundo mais procurado, somou 3 iuanes para 3.484 iuanes para cada tonelada.

Por volta das 9h40 da manhã (horário de Brasília), os preços internacionais do petróleo registravam desvalorização nas principais praças. O barril do tipo Brent, referência negociada em Londres, perdia 0,55%, ou US$ 0,24, a US$ 41,95. Em Nova York, o WTI recuava 0,63%, ou US$ 0,26, a US$ 35,97.

MERCADO CORPORATIVO

- BTG Pactual (SA:BPAC11)

O Banco BTG Pactual anunciou nesta segunda-feira oferta primária restrita de até 35.625.000 units, que deve ser precificada no próximo dia 29. Considerando preço de fechamento da última sexta-feira, de 72 reais por unit, a operação pode movimentar 2,565 bilhões de reais.

De acordo com o BTG, os recursos líquidos provenientes da oferta serão usados para acelerar iniciativas estratégicas e o crescimento da sua plataforma de varejo digital.

A operação prevê inicialmente a venda de 28.500.000 units, compreendendo 28.500.000 ações ordinárias e 57.000.000 ações preferenciais, montante que pode ser acrescida em até 25% (até 7.125.000 units) para atender eventual excesso de demanda. BTG Pactual, Bradesco BBI, Itaú BBA e Santander (SA:SANB11) Brasil são os coordenadores da oferta.

As units do BTG acumulam perda de 4,6% em 2020, contra um declínio de 16,5% registrado pelo Ibovespa. Apenas em junho, contudo, os papéis contabilizam uma valorização de 47,4%, enquanto o Ibovespa sobe 10,5% no mesmo período. BTG Pactual anuncia oferta primária bilionária a ser precificada em 29/06  - Saneamento básico Está na pauta do plenário do Senado, para ser votado na próxima quarta-feira (22), o Projeto de Lei (PL) 4.162/19 que trata do novo marco do saneamento. Entre outros pontos, a proposta pretende atrair investimento privado para levar água potável a 99% da população, rede de esgoto a 90% e universalizar o serviço até 2033. Em algumas exceções, o prazo seria até 2040. Para dar agilidade à votação do texto, aprovado no ano passado pela Câmara dos Deputados, o parecer apresentado sexta-feira (19) pelo senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), relator do projeto na Casa, não fez alterações na proposta apreciada pelos deputados.

Apesar de o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), ter ressaltado que a decisão de incluir o texto na pauta foi fruto de acordo, senadores reagiram negativamente à ideia. Muitos dizem que a votação remota não é a ideal para o projeto. 

Além da universalização do saneamento no país, o projeto define que os municípios e o Distrito Federal (DF) têm a responsabilidade pelos serviços públicos de saneamento básico em âmbito local. A proposta permite a criação de consórcios públicos e convênios de cooperação entre municípios vizinhos para que a prestação do serviço cubra determinada região.

Os entes responsáveis terão de elaborar os planos de saneamento básico e estabelecer metas e indicadores de desempenho e mecanismos de aferição de resultados. Também terão que prestar diretamente ou conceder a prestação dos serviços e definir, em ambos os casos, a entidade responsável pela regulação e fiscalização da prestação dos serviços públicos de saneamento básico. Estabelecer os direitos e os deveres dos usuários também está na lista de atribuições.

De acordo com a proposta, os responsáveis pela prestação do serviço de saneamento poderão permitir a exploração por meio de concessões à iniciativa privada, por licitação. O maior impasse em torno do projeto é o modelo proposto. Parlamentares da oposição dizem que a exigência de licitações e as metas de desempenho para contratos tenderão a prejudicar e alienar as empresas públicas. Além disso, o texto estabelece prioridade no recebimento de auxílio federal para os municípios que efetuarem concessão ou privatização dos seus serviços.- Petrobras (SA:PETR4)

O governo federal, acionista majoritário da Petrobras, propôs a recondução do atual presidente do conselho de administração da companhia, o almirante Eduardo Bacellar Ferreira, enquanto apresentou outras sete nomeações para o colegiado.

Em paralelo, acionistas minoritários da petroleira estatal também apresentaram indicações para representantes no conselho, que serão apreciadas em uma assembleia geral ordinária em 22 de julho, segundo comunicado da companhia nesta sexta-feira.

A chapa única indicada pelo governo como controlador da empresa inclui ainda o atual presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, o economista João Cox Neto, a engenheira Maria Cláudia Guimarães e o engenheiro Nivio Ziviani, todos já membros do conselho.

Também foram indicados para vagas no colegiado os economistas Omar Carneiro da Cunha Sobrinho, ex-presidente da Shell no Brasil, e Paulo Cesar de Sousa e Silva, além do engenheiro Ruy Flaks Scheider.

- Hydro

A norueguesa Norsk Hydro vai reduzir a produção de alumina em sua fábrica Alunorte, no Brasil, após uma paralisação do fornecimento de energia causada pela queda de três torres de transmissão em sua mina de bauxita de Parangominas, disse a companhia nesta segunda-feira.

Investigações iniciais da polícia concluíram que alguns componentes foram retirados no sábado das torres que caíram, mas ainda é cedo para dizer se as estruturas foram alvo de algum tipo de sabotagem, segundo um porta-voz da Hydro.

A alumina, que é destilada a partir da bauxita, é utilizada para produção de alumínio.

Reparos nas instalações de energia levarão de duas a três semanas, durante as quais a planta da Alunorte operará com entre 50% e 70% da capacidade total, disse a Hydro.

A empresa não espera um impacto significativo sobre seus clientes devido ao problema com fornecimento de energia, acrescentou.

- Combustíveis

Os preços médios da gasolina e do etanol nos postos brasileiros avançaram pela quarta semana consecutiva, enquanto o diesel, combustível mais utilizado no país, fechou perto da estabilidade, mostraram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta sexta-feira.

O movimento de alta vem desde o final de maio, após consecutivas semanas de retração das cotações nas bombas, e acompanha uma recuperação nos preços do petróleo no mercado internacional, impulsionada por cortes de oferta de grandes produtores do grupo conhecido como Opep+.

Embora preocupações com o coronavírus ainda pesem sobre o mercado de petróleo, a commodity encerrou a semana com ganhos de cerca de 9%.

Em paralelo, a estatal Petrobras elevou os preços do diesel em suas refinarias em 8% a partir desta sexta-feira, enquanto a gasolina teve reajuste de 5%.

Foi o sexto movimento seguido de alta na gasolina e o segundo no diesel, embora ambos combustíveis ainda acumulem significativa retração no ano, dada a redução da demanda e consequentemente dos preços do petróleo depois da pandemia de coronavírus.

- Carne de Frango

A autoridade aduaneira da China disse neste domingo que suspendeu as importações de produtos avícolas de uma planta de propriedade da processadora de carne americana Tyson Inc TSN.N que foi atingida pelo novo coronavírus.

A Administração Geral das Alfândegas disse em seu site que decidiu a suspensão depois que a empresa confirmou um conjunto de casos de coronavírus na fábrica, localizada em Springdale, Arizona.

O porta-voz da Tyson, Gary Mickelson, disse que a empresa estava investigando o problema, acrescentando que a Tyson trabalha em estreita colaboração com as autoridades americanas para garantir que seus alimentos sejam produzidos em total conformidade com os requisitos de segurança do governo.

“É importante observar que a Organização Mundial da Saúde, os Centros de Controle e Prevenção de Doenças, o USDA e a Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA concordam que não há evidências para apoiar a transmissão do Covid-19 associado a alimentos”, disse ele à Reuters em um email.

- Setor Aéreo

A Lufthansa LHAG.E tentará evitar que seja impedida de voar e que entre em insolvência, afirmou o executivo-chefe Carsten Spohr neste domingo, antes de uma reunião entre o principal acionista da companhia aérea e o governo alemão sobre os termos de um resgate de 9 bilhões de euros.

A Lufthansa foi gravemente afetada pelo que deve ser uma prolongada queda de viagens por causa da pandemia de Covid-19, o que a forçou a buscar um resgate.

O acionista bilionário Heinz Hermann Thiele se reunirá com o ministro da Economia na segunda-feira para discutir suas objeções ao resgate do governo, disse uma fonte próxima ao assunto à Reuters.

Como alternativa ao governo tendo participação direta na Lufthansa, Thiele propôs uma outra abordagem por meio do banco de desenvolvimento público alemão KfW KFW.UL.

Em uma carta aos funcionários, Spohr disse que a companhia aérea estava em discussões intensas com o governo e grandes acionas, cujo “objetivo claro era encontrar uma solução satisfatória para nossa empresa e todos os participantes antes de quinta-feira”, quando será realizada uma reunião extraordinária de acionistas.

AGENDA DE AUTORIDADES

- Jair Bolsonaro

O site do Palácio do Planalto traz como único compromisso público do presidente da República, nesta segunda-feira, reunião com o ministro da Economia, Paulo Guedes.

- Paulo Guedes

- Videoconferência com o secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues;

- Reunião com o presidente da República, Jair Bolsonaro;

- Reunião com o ministro-chefe da Casa Civil, Walter Braga Netto;

- Videoconferência com o secretário executivo, Marcelo Guaranys;

- Videoconferência com economistas.

*Com Reuters e Agência Brasil

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: