Menu
Busca domingo, 24 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
eua china

Trump diz que EUA romperão com OMS e terão nova relação com Hong Kong

29 maio 2020 - 17h00Por Investing.com
Investing.com - O presidente Donald Trump disse que os EUA eliminariam a política que concede tratamento especial a Hong Kong após a tomada de poder de Pequim na cidade-estado, mas sem indicar a imposição de novas sanções à China. A medida ocorre poucos dias depois que a China impôs uma nova lei de segurança nacional em Hong Kong que reprime as manifestações públicas. O S&P 500 mudou-se para território positivo quando Trump parou a entrevista antes de qualquer sanção comercial. O Ibovespa reduziu as perdas que chegaram a 1% nesta sexta-feira, operando com leve baixa de 0,10% a 86.864 pontos. Após chegar a ser negociado a R$ 5,46, o dólar opera em baixa, próximo às mínimas do dia de R$ 5,3209, com queda de 1,34% a R$ 5,3355. Antes do discurso de Trump, os investidores se preocupavam de que os EUA pudessem impor sanções à China e arriscar retaliações que poderiam aumentar as tensões e potencialmente desfazer a trégua comercial acordada no início deste ano. O presidente também disse que os EUA cortariam seu relacionamento com a Organização Mundial de Saúde e redirecionariam fundos do órgão de vigilância mundial da saúde para outros grupos.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: