terça, 07 de dezembro de 2021
finanças pessoais

Em linha com exterior, Ibovespa abre em baixa à espera do acordo EUA-China

15 janeiro 2020 - 11h06Por Redação SpaceMoney

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa de valores brasileira, abriu com tendência de baixa nesta quarta-feira (15), registrando desvalorização de 0,60%, aos 116.928 pontos, às 10h45. Dessa forma, a bolsa brasileira segue a tendência de baixa dos mercados internacionais, na Ásia, Europa e EUA, nas últimas horas antes da assinatura do acordo comercial preliminar entre EUA e China, previsto para a 13h30 (horário de Brasília) de hoje.

O dólar comercial, por sua vez, registrava alta de 0,74%, cotado a R$ 4,162, às 10h49. Ontem a moeda dos EUA registrou a primeira queda em relação ao Real em 2020, após seis sessões de alta neste ano. Cenário Interno Os principais fatores internos com capacidade de influenciar o mercado financeiro hoje são: o aumento de 0,6% das vendas no varejo em novembro de 2019, divulgado mais cedo no dia de hoje; o aumento do salário mínimo para R$ 1.045, anunciado ontem à noite, que trará um impacto de R$ 2,3 bilhões para as contas públicas, segundo estimativa do Ministério da Economia; rumores de que os EUA apoiarão o ingresso do Brasil na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) no lugar da Argentina; e a declaração do secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia, Salim Mattar, de que o governo pretende vender R$ 150 bilhões em participações em empresas neste ano.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content