segunda, 29 de novembro de 2021
twitter circuit breaker

Dólar e circuit breakers: a reação do Twitter nesta segunda-feira

16 março 2020 - 18h21Por Redação SpaceMoney

A segunda-feira (16) não foi um dia fácil para o mercado financeiro. Enquanto Wall Street abria o dia com circuit breaker, após quedas de 7% nas bolsas nova-iorquinas, o mesmo mecanismo de controle de volatilidade acontecia no Brasil. Ao fim do dia, S&P 500, Dow Jones e Nasdaq acumularam perdas que giram entre 9%. O principal índice da B3 fechou o dia em queda de 13,92%. https://twitter.com/WSJ/status/1239545778194046977 Por volta das 10h de hoje, o Ibovespa também acionou circuit breaker após tombar 12,53%. Foi a quinta parada em uma semana, e os internautas brincaram com a frequência do acontecimento: https://twitter.com/pedroloos/status/1239564133768577029 https://twitter.com/trademapapp/status/1239543292666228736   O dólar, por sua vez, disparou ante o Real e atingiu patamar recorde na história da moeda brasileira. Pela primeira vez desde 1994, o dólar comercial superou R$ 5 no fechamento, com valorização acima de 4%. https://twitter.com/cofoib0/status/1239661653106589696 Pelo mundo, as notícias de coronavírus deixam o mundo em alerta - usuários da internet não deixaram passar em branco, e o Twitter uniu as preocupações dos seus membros. Os impactos do coronavírus na economia, devido ao clima de aversão a riscos, geravam discussões sobre política no Twitter. https://twitter.com/christinawilkie/status/1239655001699561472 "Preste atenção: o Dow Jones agora está apenas 456 pontos acima de onde estava em 20 de janeiro de 2017, o dia em que Trump assumiu o cargo. Se o Dow continuar a escorregar amanhã devido aos temores dos #coronavírus, esse benchmark politicamente potente poderá ser facilmente ultrapassado." No Brasil, até Felipe Neto discutia o aumento no número de casos e os impactos da pandemia. https://twitter.com/felipeneto/status/1239612925943459841    

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content