sexta, 03 de dezembro de 2021

Destaques: receio renovado sobre coronavírus e queda no petróleo

07 julho 2020 - 09h17Por Investing.com

Por Geoffrey Smith 

Investing.com - A recuperação da atividade econômica nos EUA corre o risco de ser interrompida devido ao aumento de novas infecções pelo Covid-19, de acordo com o presidente do Fed de Atlanta, Raphael Bostic.

O mercado parece concordar: os índices de Wall Street devem abrir em baixa, cedendo a maior parte dos ganhos da véspera. 

A Comissão Europeia também reviu para baixo suas previsões econômicas para a zona do euro e para os próximos dois anos, enquanto um tribunal federal golpeou a região de shale do Dakota do Norte e do Sul. 

Aqui está o que você precisa saber nos mercados financeiros na terça-feira, 7 de julho.

1. Bostic, do Fed, alerta que coronavírus está impedindo recuperação econômica

O presidente do Federal Reserve de Atlanta, Raphael Bostic, alertou em uma entrevista ao Financial Times que a recuperação dos EUA está em perigo de ser interrompida devido ao aumento de casos de Covid-19 no sul e no oeste do país nas últimas semanas.

O principal médico dos EUA, Anthony Fauci, disse que "o estado atual não é bom" e que os EUA ainda estão "até os joelhos na primeira onda". Ele argumentou que a linha de base dos casos "nunca chegou realmente aonde queríamos".

O crescimento de novos casos de Covid-19 mostrou sinais de desaceleração no Texas e na Flórida, os dois estados mais afetados pela segunda onda de infecções nos últimos dias, enquanto a taxa nacional de novos casos caiu para pouco mais de 45.000, mais de 20% abaixo os picos diários da semana passada.

2. Tribunal ordena fechamento do oleoduto de Dakota

Um tribunal do distrito federal em Washington decidiu que o Dakota Access Pipeline, uma artéria essencial para a transferência de óleo de shale de Dakotas para os mercados nos EUA, deve ser encerrado em 30 dias, argumentando que um estudo de impacto ambiental necessário não foi concluído.

O oleoduto, que pode transportar 570.000 barris de petróleo por dia, é uma peça-chave da infraestrutura de transporte para a indústria local de petróleo, e a decisão ressalta os riscos regulatórios citados pela Dominion Energy (NYSE:D) e pela Duke Energy (NYSE:DUK) no fim de semana em sua decisão de abandonar o projeto de um gasoduto ao longo da Trilha dos Apalaches.

A Energy Transfer (NYSE:ET), proprietária do oleoduto, viu suas ações caírem mais de 12% na segunda-feira, atingindo o menor nível em mais de dois meses em resposta à decisão.

3. Ações devem abrir em baixa, em contraste ao mercado acionário da China

As ações dos EUA devem abrir em baixa, com a preocupação de que o recente rali tenha ido longe demais.

Às 8h40 (horário de Brasília), o Dow Futuros caía 236 pontos, ou 0,9%, enquanto o contrato S&P 500 Futuros caía 0,8% e o contrato futuro do Nasdaq 100 caía 0,4%.

Durante a madrugada, a exuberância das bolsas chinesas moderou-se apenas um pouco, com os principais índices do país ainda subindo (embora o Hang Seng, de Hong Kong, tenha caído 1,4% com mais sinais de empresas de tecnologia se retirando da cidade em resposta à nova lei de segurança nacional).

Entre as ações em foco mais tarde estará a Levi Strauss (NYSE:LEVI), que relata resultados trimestrais após o fechamento da sessão. Também serão de interesse as ações da Tesla (NASDAQ:TSLA), que subiram outros 6,5%, para um novo recorde após nota otimista de uma corretora nas negociações após o fim da sessão na segunda-feira.

4. Previsões do PIB da Europa revisadas

A Comissão Europeia revisou suas previsões para a economia da zona do euro neste ano e no próximo, para refletir uma contração mais profunda em 2020 e uma recuperação mais fraca em 2021.

A Comissão espera agora que a economia da zona do euro encolha 8,7% este ano, em vez dos 7,7% previstos em sua última atualização trimestral em abril, quando não havia dados disponíveis para medir o verdadeiro impacto da pandemia no PIB.

Para o próximo ano, a zona do euro deve crescer 6,1%, em vez dos 6,3% previstos originalmente. A Comissão observou que o forte impacto do vírus nos EUA e nos principais mercados de exportação emergentes, como América Latina e Índia, prejudicaria a capacidade da Europa de exportar seu caminho para fora da recessão.

Os dados de produção industrial alemã de maio, divulgados anteriormente, se recuperaram abaixo do esperado, assim como os dados de pedidos de fábrica na segunda-feira. Houve notícias um pouco melhores na Itália, onde as vendas no varejo se recuperaram 24% em maio, caindo apenas 10,5% no ano. Os preços das casas no Reino Unido também caíram menos do que o esperado em junho.

5. Petróleo se mantém acima de US$ 40, apesar de cautela

Os preços do petróleo enfraqueceram, mas novamente se mantiveram acima do nível de suporte de US$ 40/barril, com os traders revisando seu otimismo antes das principais atualizações do mercado.

Às 8h40, os contratos futuros de petróleo dos EUA caíam 0,9%, a US$ 40,26 por barril, enquanto o índice internacional Brent caía 0,7%, para US$ 42,78 por barril.

O American Petroleum Institute divulgará seus números semanais sobre os estoques de petróleo dos EUA às 17h30.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content