Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Cury vendas

Cury avança com divulgação de prévia com alta de 57,2% nas vendas líquidas

15 outubro 2020 - 15h13Por Investing.com

Por Gabriel Codas, da Investing.com - Na parte da tarde desta quinta-feira, as ações da construtora (SA:CURY3) operam com valorização, indo na contramão da baixa do Ibovespa hoje. Na véspera, a Cury informou que atingiu R$ 410,3 milhões em Vendas Líquidas, recorde histórico da companhia, o que representa crescimento de 57,2% em relação ao mesmo trimestre do ano passado.

Por volta das 15h15, os ativos somavam 1,21% a R$ 10,85.

Na prévia, a companhia reportou que se manteve com performance sólida em sua geração de caixa. No 3T20 houve influência direta da emissão primária no âmbito da Oferta Inicial de Ações (IPO), e observa-se aumento tanto nas comparações ano contra ano quanto nas comparações trimestrais. Mesmo excluindo-se os efeitos da primária a Cury teria apresentado R$55,9 milhões em geração de caixa no 3T20 e R$121,1 milhões nos 9M20.

Ao longo do terceiro trimestre foram lançados cinco empreendimentos (Único Nova Iguaçu, Dez Nordestina II, Dez Ipiranga, Urban Barra Funda e Mérito Zona Norte), totalizando R$396,9 milhões em VGV. No acumulado do ano foram lançados R$866,0 milhões.

Além disso, a companhia registrou crescimento de 57,2% em suas vendas líquidas, atingindo R$410,3 milhões no trimestre. Este número representa um recorde histórico nas atividades de incorporação imobiliária, o melhor trimestre em vendas na história da Cury.

Na comparação do acumulado de nove meses houve crescimento de 44,2% para um total de R$941,3 milhões em vendas líquidas no 9M20. Os repasses apresentaram forte aceleração no trimestre com aumentos respectivos de 90,2% e 93,6% em VGV e unidades repassadas frente o mesmo período do ano passado.

A velocidade de vendas, medida pelo indicador de Vendas Sobre Oferta (VSO) cresceu 10,4 pontos percentuais (p.p.) na comparação com o mesmo período do ano anterior, atingindo 46,5% no 3T20. Nos nove primeiros meses de 2020 a VSO foi de 66,6%, 8,1 p.p. acima do 9M19 dado o desempenho de vendas tanto dos lançamentos quanto dos estoques da companhia.

Mesmo com os lançamentos recentes, a Cury segue trabalhando com níveis de estoques reduzidos, principalmente considerando-se os estoques prontos, que caíram 53,0% em relação ao mesmo período do ano passado, que alcançou R$16,5 milhões no 3T20.

Considerando-se os lançamentos recentes bem como as aquisições realizadas a Companhia registrou aumento em seu landbank, que atingiu R$8,8 bilhões em VGV potencial. Este avanço representa 87,1% de crescimento em relação ao 3T19 e 11,1% em relação ao landbank de R$7,9 bilhões registrado no encerramento do 2T20.

Veja os fatores que influenciam os mercados hoje

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: