terça, 07 de dezembro de 2021
CSN

CSN prevê investir US$ 200 milhões na CSN Mineração após IPO, diz jornal

23 setembro 2020 - 09h25Por Investing.com

Por Gabriel Codas - Investing.com - O plano de abertura de capital da CSN Mineração tem planos considerados ousados, com pessoas próximas à operação garantido que os números mostrados pela companhia são sustentáveis. As informações constam da edição desta quarta-feira da Coluna do Broad, do Estadão.

A publicação destaca que, apesar de não ter iniciado a fase de conversas com investidores, o IPO da subsidiária, que centraliza as operações da conhecida Casa de Pedra e Namisa, está nos planos com uma oferta de US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 8,2 bilhões), sendo que US$ 1,3 bilhão em uma oferta secundária, com o dinheiro para o caixa da CSN (SA:CSNA3), para redução de sua dívida.

Os US$ 200 milhões teriam como destino investimentos da unidade de mineração. A CSN Mineração, uma grande geradora de caixa, deve ser desmembrada sem dívidas.

Ao mercado, a CSN informou estimativa de produção de minério de ferro chegue de 33 milhões de toneladas anuais para nada menos do que 108 milhões em 2033.Essa meta é considerada bastante possível, uma vez que não haveria risco de execução. Isso porque a companhia já possui, por exemplo, as licenças necessárias, algo que atualmente pode impor um ritmo bastante lento para a atividade de mineração.

Inicialmente, a expectativa é que o IPO aconteça em novembro, podendo ficar para dezembro dependendo das condições do mercado. No cronograma está planejado ainda um bom período de reuniões com investidores antes do início formal do roadshow.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content