quinta, 02 de dezembro de 2021
BTG Bradesco

BTG mantém recomendação de compra após Bradesco divulgar balanço trimestral

29 outubro 2020 - 15h43Por Redação SpaceMoney

O BTG Pactual manteve sua recomendação de compra para Bradesco, com preço-alvo de R$ 28. O balanço para o terceiro trimestre de 2020 da instituição financeira, divulgado na última quarta-feira (28), superou as projeções do mercado e do banco de investimentos. 

O Bradesco registrou lucro líquido de R$ 5,031 bilhões no trimestre; o número é 23% inferior ao do mesmo período do ano passado, mas representa um avanço de 29,9% em relação ao trimestre anterior. Por volta das 15h30 desta quinta-feira, as ações do banco tinham forte queda, de R$ 2,43%, a R$ 20,49.

Para o BTG, os resultados foram auxiliados por perdas de empréstimos menores que as esperadas. Os custos com honorários e provisões superaram as previsões do banco de investimentos.

Recuo nas despesas

As despesas operacionais do Bradesco somaram 11,724 bilhões, enquanto os gastos com provisões atingiram R$ 5,588 bilhões; os indicadores diminuíram 5,7% e 37,1%, respectivamente, em relação ao terceiro trimestre de 2019.

De acordo com o BTG, o recuo expressivo nos custos contra o aumento de calotes foi o principal responsável pelo crescimento do lucro. O banco de investimentos afirma que esse número deve continuar diminuindo no último trimestre deste ano e no próximo.

Por fim, o BTG classifica o trimestre como “decente”, especialmente quando o cenário econômico global é considerado. “É justo dizer que o ambiente melhorou, o que nos dá mais confiança para assumir provisões menores nos trimestres futuros”, escreve o banco de investimentos. “A ação continua atrativa e, apesar das nossas preocupações estruturais quanto ao setor bancário, mantemos nossa recomendação de compra”.

Veja os fatores que influenciam os mercados hoje

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content