terça, 07 de dezembro de 2021
braskem

Braskem tem mais de 6% de queda com S&P cortando rating de BBB- para BB+

09 julho 2020 - 14h09Por Investing.com

Por Gabriel Codas Investing.com - As ações da Braskem (SA:BRKM5) operam com forte queda na parte da manhã desta quinta-feira com forte queda, estando entre os piores desempenhos do Ibovespa. O mercado reage à notícia de que a agência de classificação de risco Standard&Poor’s reduziu o rating de BBB- para BB+, perspectiva estável, o que equivale a “junk”. Por volta das 14h02, os ativos recuavam 6,55% a R$ 23,69. De acordo com a S&P, a mudança de avaliação teve como base o fato de a demanda por produtos químicos globais ter sofrido impacto substancial este ano e a recuperação para os níveis de 2019 permanece incerta, em meio à visão de uma provável recuperação econômica desigual em todo o mundo. Diante de um cenário de incertezas, a S&P destaca que é alto o risco de um novo rebaixamento, sendo que a perspectiva estável reflete expectativa de aumento gradual dos fluxos de caixa nos próximos 12 meses, além da dívida líquida em relação ao Ebitda em torno de 4 vezes até o final de 2020. Provisões Na manhã desta quinta-feira, a petroquímica informou que vai separar mais R$ 1,6 bilhão para os gastos com o afundamento do solo em bairros de Maceió (AL), onde a Braskem operava uma mineração de sal-gema. A recente ampliação da área considerada de risco pela Defesa Civil de Maceió, fez com que a companhia destinasse mais R$ 850 milhões para “potenciais medidas de apoio aos moradores das novas áreas” e R$ 750 milhões para o encerramento definitivo da extração de sal-gema na capital alagoana e monitoramento dos 35 poços.

Tags: Braskem
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content