Menu
Busca segunda, 25 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
AMERICANAS

Americanas sobe 6% depois de anunciar oferta de ações e possível injeção de capital na B2W

06 julho 2020 - 13h47Por Investing.com

Por Gabriel Codas Investing.com - Nos primeiros negócios da manhã desta segunda-feira, as ações da Lojas Americanas (SA:LAME4) operam com forte valorização, em linha com a alta do Ibovespa hoje. O mercado repercute a notícia de que o conselho de administração da companhia aprovou oferta restrita de até 243 milhões de ações, incluindo preferenciais e ordinárias, que espera precificar em 14 de julho. Considerando os preços de fechamento das ações na última sexta-feira, a oferta pode movimentar até R$ 7 bilhões. Em comunicado, a companhia afirmou que pretende destinar os recursos da operação a investimentos na sua controlada AME Digital, capitalização da B2W (SA:BTOW3) e otimização da sua estrutura de capital. Por volta das 13h47, os papéis da Americanas avançavam 5,94% a R$ 32,84, com B2W somando 6,71% a R$ 116,16. O Ibovespa registrava alta de 2,14% a 98.832 pontos.

Visão dos analistas

Antes do comunicado oficial, e só com base em notícia do site Brazil Journal, a XP Investimentos não havia tomado uma posição. A corretora destacou que publicou um material com a visão em relação aos seguintes pontos: Possível impacto no número de ações; Impacto na alavancagem financeira; e Possível injeção de capital na B2W. Os analistas mantiveram a recomendação de Compra para as ações da Lojas Americanas (LAME4) com preço-alvo de R$ 36,00 ao final de 2020, além de recomendação Neutra para as ações da B2W (BTOW3) com preço-alvo de R$ 105,0 ao final de 2020. Detalhes da oferta Em relação à capitalização da B2W Digital (SA:BTOW3), a Lojas Americanas disse que ela e B2W estudam a possibilidade de um aumento de capital por subscrição privada na B2W Digital de, aproximadamente, 3 bilhões de reais, pretendendo a Lojas Americanas investir até esse valor, sem prejuízo do exercício do direito de preferência pelos demais acionistas da B2W Digital. “Não obstante, esse estudo é preliminar e, até a presente data, não há definição sobre as condições gerais, inclusive preço por ação e data, para realização desse eventual aumento de capital, que terá por objetivo, prioritariamente, acelerar o crescimento, incluindo eventuais aquisições estratégicas, e otimizar a estrutura de capital da B2W Digital”, afirmou. A oferta anunciada nesta segunda-feira prevê uma distribuição primária inicial de 80 milhões de ações ordinárias e 100 milhões de ações preferenciais, que poderá ser acrescida em até 35% (até 28 milhões de ONs e até 35 milhões de PNs) para atender a eventual excesso de demanda. Em fato relevante, a Lojas Americanas disse que, alternativamente, se durante ou após o procedimento de bookbuilding, for verificada a distribuição parcial, a quantidade total de ações inicialmente ofertada poderá ser acrescida em até 35% (até 35 milhões) de preferenciais. A distribuição parcial apenas poderá ser verificada no âmbito da colocação das ações ordinárias, não havendo tal limitação no âmbito da colocação das PNs.
Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: