Menu
Busca sexta, 22 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
China

Ações - Futuros dos EUA cambaleando em baixa enquanto guerra comercial aumenta

09 maio 2019 - 10h22Por Investing.com

Investing.com - As ações dos EUA estão sob pressão novamente na quinta-feira, depois que a China prometeu retaliar se os Estados Unidos continuarem com a intenção de aumentar as tarifas de US$ 200 bilhões em mercadorias chinesas a partir do final da semana.

O Ministério do Comércio da China informou que tomará "medidas de retaliação" se as tarifas dos EUA forem aumentadas - um passo que agora parece quase certo desde a publicação das medidas no Registro Federal na quarta-feira.

Os futuros do Dow caíam 168 pontos ou 0,6% às 7h45, enquanto S&P 500 perdia 19 pontos ou 0,7% e o índice de tecnologia futuros do Nasdaq 100 caía 61 pontos ou 0,8%.

O seu dinheiro está no banco sem render absolutamente nada? Abra uma conta na Órama e comece a investir!

O crescente conflito comercial causou arrepios nos mercados globais durante toda a semana, com os investidores revisando as pressuposições otimistas anteriores de que as mensagens do presidente Donald Trump no Twitter no fim de semana eram mais relações públicas do que conteúdo.

"Em função de reação imprevisível, petulante e muitas vezes bizarra de Trump, nada pode ser descartado", disse o estrategista da ADM ISI, Marc Ostwald, em uma nota aos clientes.

Ostwald destacou que o anúncio da China de que estenderia "impostos preferenciais para empresas de circuitos integrados e software" tornou mais difícil chegar a um acordo nesta semana, já que o fim dos subsídios tem sido uma das principais demandas dos EUA. Os fabricantes de chips dos EUA, Intel (NASDAQ:INTC) e Micron (NASDAQ:MU), que sofreriam com esses subsídios para rivais locais, estavam ambos em baixa no mercado pré-mercado.

 

Enquanto isso, a Walt Disney (NYSE:DIS) tinha indicação baixa de 0,5%, um pouco à frente do mercado mais amplo, após ter apresentado fortes resultados no primeiro trimestre após a abertura na quarta-feira. Os números superaram as expectativas.

A fabricante de TVs inteligentes Roku (NASDAQ:ROKU) subia 9,4% depois que sua receita e lucro no primeiro trimestre ultrapassaram as expectativas, refletindo o crescente ritmo de adoção de streaming pelos consumidores.

Os preços do petróleo voltaram a subir em relação às tensões geopolíticas, com o Irã prometendo retomar o enriquecimento de urânio e a Coréia do Norte testando mais "projéteis" não identificados, de acordo com os relatórios do Newswire.

Os futuros de petróleo bruto estavam de volta a US$ 62,13 por barril, um aumento de quase um dólar em relação às baixas de quarta-feira. O petróleo Brent foi negociado em alta de 0,1%, cotado a US$ 70,44 por barril.

Em outras commodities, o futuros do ouro subiam 0,2%, para US$ 1.283,95 por onça-troy, diante do aumento da demanda por refúgios seguros. O índice do dólar que mede a força da moeda em comparação com uma cesta das seis principais divisas, estava lucrando com a mesma tendência, subindo 0,1%, para 97,440, perto da alta de uma semana.

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: