terça, 30 de novembro de 2021
Bolsa brasileira

3 gráficos para conhecer melhor a bolsa de valores brasileira

28 setembro 2020 - 18h42Por Redação SpaceMoney

Quase 3 milhões de pessoas físicas estão na B3, a bolsa brasileira, e, muito provavelmente, investem em ações que estão no Ibovespa, seu principal índice. E os outros 206 milhões de brasileiros, o que sabem sobre o mercado de ações?

Se você é um desses milhões que ainda estão engatinhando no mundo da renda variável, há diversas fontes de informação com as quais você pode contar. O curso "Como funciona o mercado de ações", que será ministrado pelo CEO da SpaceMoney, Fabio Murad, é uma das opções. 

Nos dias 6, 7 e 8 de outubro, com aulas ao vivo e apoio de apostilas, os alunos passarão por três módulos de introdução à bolsa de valores, aprendendo sobre estratégias e análise de ações. 

Inscritos no SpaceBank têm 50% de desconto no curso, e a matrícula pode ser feita aqui. Enquanto isso, você pode aquecer seus conhecimentos com essa SpaceDica, e aprender mais sobre a B3. 

Composição do Ibovespa

A carteira do Ibovespa é rebalanceada a cada quatro meses, considerando os seguintes critérios de seleção: estar entre os ativos que representem 85% em ordem decrescente de Índice de Negociabilidade; 95% de presença em pregão; 0,1% do volume financeiro no mercado a vista (lote-padrão); e não ser penny stock. Esta é a carteira válida entre setembro e dezembro de 2020:

Participação

A bolsa brasileira ainda tem maior participação de investidores estrangeiros. Como o Brasil é um país emergente, com prêmios relativamente mais altos para compensar seu risco, ainda continua como um destino interessante para os investidores internacionais. Estes são os dados para o acumulado de 2020, até 25/09:

Pessoa física

Com as menores taxas de juros, o pequeno investidor local vem sendo atraído para investimentos com maior risco, em busca de maior rentabilidade. Veja a evolução do número de pessoas físicas na bolsa brasileira na última década:

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content