quarta, 22 de maio de 2024
Ações

Romi (ROMI3) registra lucro líquido ajustado de R$ 9,2 milhões no primeiro trimestre de 2024

Número simboliza uma queda de 69,5% em relação a igual intervalo de 2023

16 abril 2024 - 20h02Por Lucas de Andrade
Indústrias RomiIndústrias Romi - Crédito: Indústrias Romi/Divulgação

A receita operacional líquida registrada pela Romi (ROMI3) no primeiro trimestre de 2024 atingiu R$ 208,5 milhões, um volume 19,5% inferior em relação ao mesmo período do ano passado, principalmente, devido à redução do faturamento de peças fundidas e usinadas para os segmentos de energia e agrícola.

A margem bruta obtida entre janeiro e março deste ano foi de 29,10%, uma queda de 4 p.p. em relação ao mesmo período do ano anterior, principalmente, influenciada pela redução significativa do volume de faturamento da Unidade de Fundidos e Usinados.

A redução do volume de faturamento no período impactou a margem operacional ajustada (EBIT ajustado), que apresentou uma queda de 9,90 p.p. nesse mesmo período.

O lucro líquido ajustado, no primeiro trimestre de 2024, foi de R$ 9,2 milhões, uma queda de 69,5% em relação a igual intervalo de 2023.

No primeiro trimestre de 2024, a geração operacional de caixa medida pelo EBITDA (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado foi de R$ 18,2 milhões, com uma margem EBITDA de 8,70% no trimestre

Tags: Romi, ROMI3