sábado, 18 de maio de 2024
Ações

Dasa (DASA3): conselho de administração aprova aporte de R$ 1,5 bilhão pela família Bueno

Quantia provém recursos para fazer frente às obrigações operacionais e financeiras de curto prazo e reforçar o capital de giro

15 maio 2024 - 20h16Por Lucas de Andrade

Nesta quarta-feira (15), o conselho de administração da Dasa (DASA3) aprovou o aporte de R$ 1,5 bilhão pelos acionistas controladores, a família Godoy Bueno, em um futuro aumento de capital. 

De acordo com a companhia, o dinheiro injetado provém recursos para fazer frente às obrigações operacionais e financeiras de curto prazo e reforçar o capital de giro.

A entrada dos recursos referentes ao Adiantamento para Futuro Aumento de Capital (AFAC) vai ocorrer no segundo trimestre, declarou a Dasa.

O preço de emissão das ações ordinárias vai ser fixado com base na média ponderada por volume (VWAP) de cotação das ações ordinárias de emissão da companhia nos sessenta pregões imediatamente seguintes ao que ocorrer antes entre:

  • - i) o anúncio de qualquer transação, cuja implementação resulte na redução da dívida líquida da companhia em, pelo menos, R$ 2.500.000.000,00 (dois bilhões e quinhentos milhões de reais); ou
  • - ii) 31 de dezembro de 2024. 

 

O preço de emissão das ações vai ser fixado com base no valor de mercado das ações da companhia.

A data-base (record date) para definição da posição acionária para exercício do direito de preferência vai ser informada por meio de Aviso aos Acionistas, a ser divulgado quando ocorrer a aprovação do Aumento de Capital, após o transcurso do período de apuração do preço de emissão das ações.

Tags: Dasa, DASA3