domingo, 16 de junho de 2024
Ações

B3 (B3SA3) altera tarifas para serviços de negociação e pós-negociação e central depositária

Mudanças são resultado de estudos iniciados em 2019 e amplamente divulgados em 2020, que dependiam de prontidão e adaptações do mercado para serem implementadas

18 abril 2024 - 20h48Por Lucas de Andrade
.. - Crédito: Sede da B3, em São Paulo| Foto: GUSTAVO SCATENA/Divulgação

Nesta quinta-feira (18), a B3 (B3SA3) informou novas políticas de tarifação para os serviços de negociação e pós-negociação e central depositária no mercado à vista de renda variável.

As tarifas de negociação e pós-negociação serão definidas a partir do volume médio diário negociado (ADTV) no mês anterior por cada investidor e essas tarifas serão válidas para este investidor por todo o mês corrente, independentemente do tipo de investidor.

 

 

Quanto à central depositária, a B3 anunciou isenção da tarifa de manutenção de conta de custódia para investidores não residentes, o início da cobrança da tarifa sobre saldo em custódia para investidores não residentes e alterações nos valores da tarifa sobre saldo em custódia para todos os investidores, além do fim da cobrança da tarifa de manutenção de programas de Depositary Receipts (DR). 

As alterações visam simplificar e aprimorar a atual tabela de tarifação entre diferentes perfis de clientes, bem como garantir maior eficiência aos mercados em que atua, e são resultado de estudos iniciados em 2019 e amplamente divulgados em 2020, que dependiam de prontidão e adaptações do mercado para serem implementadas.

A B3 informa também que foram realizados backtests com dados de 2023 para estimar o impacto financeiro das mudanças anunciadas e que o resultado não se considera material para a companhia.

As datas de implementação das alterações serão definidas oportunamente, a depender, entre outros fatores, do prazo necessário para adaptação dos participantes do mercado.