sexta, 24 de maio de 2024
Ações

Assaí (ASAI3), Casas Bahia (BHIA3) e GPA (PCAR3) planejam cisão de empresa sócia do Itaú (ITUB4)

Varejistas buscam soluções para a FIC a cerca de um ano, por observa dificuldade de expansão da financeira

15 maio 2024 - 10h00Por Redação SpaceMoney

A FIC, financeira que une Assaí (ASAI3), Casas Bahia (BHIA3), Grupo Pão de Açúcar - GPA (PCAR3) e Itaú (ITUB4) como sócios, está próxima de ter um novo rumo, após buscas por soluções durarem cerca de um ano.

A opção mais estudada tem sido uma cisão entre as três varejistas, com o Itaú mantido como sócio majoritário.

No entanto, a discussão está longe do fim e a venda da participação de ao menos uma das varejistas segue na mesa, segundo fontes informarão a Coluna do Broadcast, no jornal O Estado de S.Paulo.

O Itaú tem 50% do negócio, enquanto o GPA possui 18%, o Assaí, outros 18%, e a Casas Bahia, 14%.

O arranjo societário seria herança de quando as três varejistas eram uma só, ao comando do GPA. Conforme as companhias se separaram, cada uma delas ficou com uma porcentagem da financeira que as unia.

Sobretudo, a FIC emite cartões do Itaú como o Extra, do GPA, e o Passaí, do Assaí.

O Itaú também emite o cartão do Ponto Frio, do Grupo Casas Bahia, mas pelo Banco Investcred Unibanco.

O cartão da Casas Bahia se emite pela Bradescard, do Bradesco (BBDC4).

Segundo o balanço da Casas Bahia, o primeiro trimestre de 2024 para a FIC foi de lucro de R$ 88,0 milhões, frente a um resultado de R$ 67,0 milhões um ano antes.

Apesar do saldo posítivo, alguma das varejistas observa um cenário limitado para expandir as operações da financeira e por isso desejam se desfazer.

As informações são da Coluna do Broadcast, no jornal O Estado de S.Paulo.