terça, 16 de abril de 2024
Ações

Ações da 3R Petroleum (RRRP3) sobem, após nova proposta de fusão; veja o que acham os analistas

Casas apontam qual o melhor destino para a companhia

02 abril 2024 - 11h34Por José Chacon

A 3R Petroleum (RRRP3) observa um cenário de alta em suas ações nesta terça-feira (2), um dia após a companhia confirma recebimento de uma proposta feita pela Enauta (ENAT3) para combinações de negócios. Por volta das 11:05, os papéis subiam 5,26% cotados a R$ 34,84.

Enquanto isso, as ações da Enauta despencavam 5,74% a R$ 27,28, no mesmo horário.

O fato é que essa é a segunda proposta de fusão que a 3R recebe. A companhia já estava em negociação com a PetroReconcavo (RECV3) para uma possível união de negócios.

Com o proposto pela Eneva, a 3R decidiu suspender temporariamente as negociações com a RECV3.

Diante disso, os papéis da PetroReconcavo reagem em queda, ao registrar baixa de 7,04% a R$ 21,53.

Para o Bradesco BBI, a 3R teria mais sinergias com a Enauta do que com a PetroReconcavo. O Citi concorda e acredita que a proposta geraria valor para a Enauta e principalmente para a 3R, já que estabelece um piso para as ações da empresa que é cerca de 4% acima do fechamento mais recente.

Saiba tudo sobre a proposta aqui.