quinta, 09 de dezembro de 2021
Segundo pesquisa

Participação do BNDES em empresas na Bolsa tem menor nível desde 2010

19 fevereiro 2021 - 17h23Por Redação SpaceMoney
 - Crédito: Divulgação

A participação do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) em empresas de capital aberto passou de 35 companhias em 2010 para 16 empresas em 2020. Os dados são de um estudo da Economatica, divulgado nesta sexta-feira (19).

Ainda segundo a pesquisa, a maior queda anual de participação foi registrada entre os anos de 2018 e 2019, passando de 24 para 18 empresas.

Em 2020, das 16 empresas em que o BNDES está presente, a Tupy é a que apresenta a maior participação percentual do banco, com 28,19% ou R$ 873,4 milhões em valor de mercado. A segunda empresa com maior participação do BNDES é a Copel, com 23,96% ou R$ 4,1 bilhões.

No ano passado, o BNDES iniciou a participação na Padtec (Antiga Ideias Net) e Hidrovias do Brasil com 23,05% e 1,72% do capital, respectivamente. Apesar disso, o BNDES saiu integralmente da Vale, Light e Suzano.

Em janeiro de 2021, o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, afirmou que a instituição continuará neste ano a estratégia de vender sua carteira de participações acionárias. "Não tem razão, não tem sentido, um banco estatal, especialmente de um País endividado como o Brasil, carregar ações especulativas na Bolsa de Valores. Essa não é a função deste banco", disse o executivo.

Petrobras

A participação do BNDES também diminuiu na Petrobras. Em 2020, o percentual foi de 8,07%, contra 16,59% em 2017 e 13,90% no ano de 2019.

Em fevereiro de 2021, o BNDES tem R$ 31,2 bilhões de valor de mercado da Petrobras, ante R$ 44,1 bilhões em 2010.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content