Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Abertura de mercado

O que esperar de câmbio e bolsa no Brasil nesta 6ª-feira (7)

Confira as principais notícias, a agenda e o informe corporativo do dia

07 maio 2021 - 09h32Por Investing.com

Por Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - O Ibovespa Futuro abriu em alta e subia 0,14% perto das 9h10, enquanto o dólar futuro subia 0,09%, a R$ 5,298, com os investidores de olho nas discussões sobre a Reforma Tributária e na temporada de balanços, em manhã de mercados tranquilos nos EUA e na Europa.

Lá fora, os futuros do Dow Jones, do S&P 500 e do Nasdaq 100 subiam 0,3%, 0,29% e 0,36%, respectivamente, enquanto o (NYSE:EWZ), principal ETF brasileiro negociado no exterior, subia 0,57% no pré-mercado em Nova York.

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), expôs em reunião de líderes seus argumentos sobre a decisão de sustar a comissão mista que discutia a reforma tributária, e garantiu aos colegas que qualquer decisão sobre o andamento do tema será definido de maneira coletiva, afirmou nesta quinta-feira o líder do DEM na Casa, Efraim Filho (PB), à Reuters.

Segundo Efraim, Lira ponderou que o texto do relator na comissão, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), trata de mudanças da tributação no consumo, mas há outra propostas na Casa com abordagem sobre a renda.

Enquanto isso, o Brasil se tornou nesta quinta-feira o terceiro país do mundo a superar a marca de 15 milhões de casos confirmados de coronavírus, após EUA e Índia, com o registro de 73.380 novas infecções elevando o total a 15.003.563, de acordo com dados do Ministério da Saúde.

Também foram contabilizados 2.550 novos óbitos em decorrência da Covid-19, o que faz com que o total de vítimas fatais da doença no país chegue a 416.949 - a segunda maior contagem do mundo, abaixo apenas dos EUA.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira, em tom de ameaça, que não vai ter eleição em 2022 no Brasil caso o Congresso aprove uma regra que valide o voto impresso, mas eventualmente a mudança não entre em vigor, após tecer duras críticas ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso.

Notícias do dia
Empregos
- A reabertura do Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEm) registra um total de 506.834 novos acordos de suspensão de contratos ou redução de jornada e salários, de acordo com dados disponibilizados há pouco pelo Ministério da Economia. Esses acordos englobam 499.379 trabalhadores e 154.183 empregadores.

Economia - Estudo divulgado pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) revela que a atividade econômica no Brasil experimentou retração de 6,7% no período de 12 meses, iniciado em março de 2020, com o surgimento da pandemia do novo coronavírus, até fevereiro de 2021.

Poupança - Após três meses de retiradas líquidas, a aplicação financeira mais tradicional dos brasileiros voltou a captar recursos. Em março, os brasileiros depositaram R$ 3,84 bilhões a mais do que sacaram na caderneta de poupança, informou ontem (6) o Banco Central (BC).

Leilão 5G - O ministro das Comunicações, Fábio Faria, disse esperar que o leilão do 5G possa ocorrer ainda no mês de julho deste ano. Segundo ele, os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) estão avaliando o edital, que foi aprovado no fim de fevereiro pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Agenda do dia
Bolsonaro
- Partida de Brasília/DF para Porto Velho/RO, às 7h30, cerimônia alusiva à liberação de tráfego na ponte sobre o Rio Madeira, na BR-364, no Distrito de Abunã, às 11h15, partida de Porto Velho/RO para Brasília/DF, às 14h30.

Guedes - Reunião com o secretário executivo, Marcelo Guaranys, às 10h, reunião com o presidente da Associação Brasileira de Zonas de Processamento a Exportação, Helson Braga, às 11h30, reunião com a ministra de Assuntos Exteriores, União Europeia e Cooperação da Espanha, Arancha González Laya, às 15h, reunião virtual com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e o embaixador da China, Yang Wanming, às 16h, reunião com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, às 17h.

Campos Neto - Reunião do Economic Consultative Committee (ECC), promovida pelo Banco de Compensações Internacionais, às 8h, videoconferência, com a Senadora Soraya Thronicke (PSL), em São Paulo, às 10h.

Notícias corporativas
Banco do Brasil
(SA:BBAS3) - O Banco do Brasil (BB) teve lucro líquido contábil de R$ 4,226 bilhões no primeiro trimestre, segundo balanço divulgado ontem (6) à noite. O valor representa alta de 31,9% em relação aos R$ 3,199 bilhões registrado no mesmo período de 2020.

B3 (SA:B3SA3) - A B3 anunciou nesta quinta-feira lucro líquido de R$ 1,26 bilhão no primeiro trimestre, alta de 22,5% ante igual período de 2020.

Neoenergia (SA:NEOE3) - O lucro líquido da Neoenergia avançou 75% no primeiro trimestre deste ano, em comparação com igual período do ano passado, para R$ 1,007 bilhão. Entre janeiro e março, a receita líquida da empresa ficou em R$ 8,580 bilhões, crescimento de 27%.

B2W (SA:BTOW3) - A B2W apresentou prejuízo líquido de R$ 163,6 milhões no primeiro trimestre, perda maior do que os R$ 108 milhões em igual período de 2020.

JHSF (SA:JHSF3) - A JHSF, gestora de shoppings e empreendimentos imobiliários de alto padrão, teve lucro líquido de R$ 191,5 milhões no primeiro trimestre, um salto ante os R$ 16,3 milhões em resultado positivo obtido no mesmo período do ano passado.

CSU (SA:CARD3) Cardsystem - A CSU Cardsystem, de soluções de meios de pagamento, registrou lucro líquido de R$ 12,8 milhões no primeiro trimestre, o maior valor para o período da história da companhia, alta de 37,5% em relação ao ano anterior.

Lojas Americanas (SA:LAME4) - A Lojas Americanas registrou no primeiro trimestre de 2021 prejuízo líquido consolidado de R$ 163 milhões uma alta de 231% em relação ao mesmo período de 2020.

Simpar - A holding Simpar, controladora de empresas como Movida (SA:MOVI3), JSL (SA:SIMH3) e Vamos Locação, fechou o primeiro trimestre de 2021 com lucro líquido contábil de R$ 171,2 milhões, revertendo o prejuízo de R$ 86,3 milhões verificado no mesmo período de 2020. Segundo Denys Ferrez, CFO do grupo, em entrevista ao Investing.com, o resultado reflete os números apresentados pelas seis subsidiárias: além das três mencionadas, o grupo controla ainda a CS Brasil, a Original e a BBC, que não são listadas na bolsa de valores.

Eletrobras (SA:ELET3) - A Eletrobras informa que foi publicado nesta sexta-feira (7), no Diário Oficial da União (DOU), a Resolução nº 176 do Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI), de 27 de abril de 2021, que estabelece atribuições à Eletrobras, necessárias ao processo de desestatização.

Cemig (SA:CMIG4) - A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) apresentou um cronograma para a realização de leilão especial para desinvestimento de sua participação na Taesa (SA:TAEE11). A empresa deu início nesta quinta-feira (6) ao processo de diligência para potenciais interessados. O prazo segue até 30 de julho, quando devem ser entregues os envelopes para participação do leilão.

MMX (SA:MMXM3) - Em Fato Relevante divulgado nesta quinta-feira, a MMX voltou a se posicionar em relação à decretação de falência da MMX Sudeste pela 1ª Vara Empresarial da Comarca de Belo Horizonte. A companhia afirma que pretende entrar com recurso no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG) contra a decisão.

- Reuters, Estadão Conteúdo e Agência Brasil.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: