Menu
Busca sábado, 23 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
1T21

Lucro das empresas de capital aberto sobe mais de 240% no 1º trimestre, diz Economatica

No primeiro trimestre do ano passado, as empresas haviam registrado prejuízo de R$ 22,8 bilhões

17 maio 2021 - 18h01Por Redação SpaceMoney

O lucro líquido no 1º trimestre de 2021 das empresas de capital aberto foi de R$ 33,2 bilhões, uma alta de 245,7% quando comparado com o mesmo período de 2020, informou nesta segunda-feira (17) o Economatica. No primeiro trimestre do ano passado, as empresas haviam registrado prejuízo de R$ 22,8 bilhões.

O levantamento considerou os dados de 268 empresas não financeiras com dados disponíveis no 1º trimestre de 2020 e 2021. Para o estudo, o Economatica disse que foram desconsideradas as empresas Vale, Petrobras e Suzano, porque os dados dessas companhias "distorcem" a amostra. 

O setor de energia elétrica, com 32 empresas, é o setor com maior lucro acumulado no 1º trimestre de 2021, com R$ 11,7 bilhões. Siderúrgia e Metalúrgia aparece em segundo lugar, com R$ 8,4 bilhões. O setor de bancos, que não foi considerado na pesquisa, lucrou R$ 24,9 bilhões no período.

A empresa que mais lucrou no 1T21 foi a Vale, com R$ 30,5 bilhões, seguida pelo Bradesco, com R$ 6,15 bilhões, e Itaú Unibanco, com R$ 5,41 bilhões.

Prejuízo

Dos 24 setores não financeiros, três deles tiveram prejuízo no 1º trimestre de 2021: transportes e serviços, com prejuízo de R$ 4,50 bilhões; telecomunicações, com R$ 2,33 bilhões; e veículos e peças com R$ 138 milhões.

A Oi é a companhia que teve o maior prejuízo no 1T21, com R$ 3,50 bilhões, valor inferior ao do ano de 2020 quando o prejuízo foi de R$ 6,28 bilhões. A Azul registra o segundo maior prejuízo, de R$ 2,78 bilhões.

 

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: