Menu
Busca terça, 26 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Radar corporativo

Locaweb (LWSA3) lidera ganhos do Ibovespa; Braskem (RKM5) e IRB Brasil (IRBR3) puxam quedas

Estas são as principais notícias corporativas do dia

07 julho 2021 - 10h55Por Investing.com

Por Ana Julia Mezzadri, da Investing.com - Os papéis de Locaweb (SA:LWSA3), Magazine Luiza (SA:MGLU3) e CSN (SA:CSNA3) lideram as altas do Ibovespa na abertura desta quarta-feira (7), enquanto Braskem (SA:BRKM5) e IRB Brasil Re (SA:IRBR3) figuram entre as maiores baixas.

Estas são as principais notícias corporativas do dia:

BRF (SA:BRFS3) - A BRF anunciou investimento de US$ 2,5 milhões na startup israelense Aleph Farms para produzir carne cultivada a partir de células bovinas não geneticamente modificadas em 2024. A ação tinha alta de 0,49%, a R$ 26,55.

Petrobras (SA:PETR4) - A petroleira vai promover um aumento de 7% nos preços de venda do gás natural para as distribuidoras a partir de 1º de agosto devido à valorização do petróleo no segundo trimestre. O papel subia 1,55%, a R$ 28,10.

Petrobras II - A estatal recebeu indicações de candidatos para o Conselho de Administração, caso adotado o procedimento de voto múltiplo para eleição na próxima assembleia geral extraordinária.

Mater Dei (SA:MATD3) - O conselho de administração do Hospital Mater Dei aprovou a compra do grupo hospitalar Porto Dias, que atua na região Norte, por R$ 800 milhões, além da emissão de ações. Na esteira do anúncio, a ação tinha forte alta de 4,58%, a R$ 17,36.

EDP (SA:ENBR3) - A portuguesa EDP disse que sua sede foi revistada no âmbito de uma investigação sobre alegação de fraude fiscal relacionada à venda de seis barragens à empresa francesa Engie (SA:EGIE3). O papel da subsidiária brasileira da companhia apresentava alta de 0,63%, a R$ 17,69.

Inepar (SA:INEP4) - O presidente do conselho de administração e diretor presidente da Inepar, Atilano de Oms Sobrinho, renunciou ao cargo. 

Bradesco (SA:BBDC4) - O banco firmou o compromisso de descarbonizar suas carteiras de crédito e investimentos até 2050, ou até antes, de acordo com as metas do Acordo de Paris sobre o Clima. A R$ 24,73, a ação tinha leve alta de 0,12%.

Minerva (SA:BEEF3) - A companhia de alimentos lançou e concluiu, por meio de sua subsidiária em Luxemburgo, a precificação de títulos de dívida no valor total de US$ 400 milhões. O papel ganhava 0,11%, a R$ 9,31.

Ambipar (SA:AMBP3) - A Ambipar informou a aquisição de 100% da Swat Consulting Inc., especializada em atendimentos de emergências ambientais e treinamentos, por meio de sua controlada Ambipar Holding USA. A R$ 44,53, o papel subia 2,13%.

Ânima (SA:ANIM3) - A Ânima comunica que assinou um contrato para a aquisição de parte das ações ordinárias e preferenciais da Gama Academy, plataforma digital para formação de habilidades tecnológicas, com uma opção de aquisição de controle até 2025. O valor da operação é de R$ 33,8 milhões. A ação caía 0,08%, a R$ 13,26.

Méliuz (SA:CASH3) - O conselho de administração da Méliuz aprovou a realização da oferta pública de distribuição primária e secundária de ações da companhia. Com base no preço das ações em 6 de julho, o valor da oferta seria de R$ 749.030.158,80, sem considerar a possibilidade de ações adicionais. Depois do anúncio, o papel perdia 1,17%, a R$ 54,79.

Hapvida (SA:HAPV3) - A Hapvida anunciou acordos para as aquisições do Grupo HB Saúde, em São José do Rio Preto (SP), de do Hospital Dia Centro, em Alagoinha (BA), por R$ 475 milhões. Com isso, a ação ganhava 0,8%, a R$ 15,07.

- Com Reuters e Estadão Conteúdo.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: