segunda, 08 de agosto de 2022
[OGF - VIP - SPACENOW DESKTOP - TESTE A/B - 22-6-2-22]
Concessão

Governador do Rio promete investir dinheiro da Cedae em infraestrutura

Castro disse que o setor é fundamental para o crescimento do estado

25 maio 2021 - 09h00Por Agência Brasil
 - Crédito: Tomaz Silva/Agência Brasil

Por Alana Gandra, da Agência Brasil - O governador Claudio Castro prometeu investir em infraestrutura 100% do dinheiro que virá concessão da dos serviços de água e esgoto da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae).

“Não tenho dúvidas que, com esse recurso da Cedae bem administrado, a gente vai conseguir que o Rio de Janeiro volte a gerar emprego, oportunidades”.

O governador disse que quer gerar condições tributárias, fiscal, de segurança jurídica e de segurança pública melhores, mas, principalmente, de infraestrutura. O governador encerrou hoje (24) uma mesa de debates online do Rio Canteiro de Obras, promovida pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

[EBOOK - COMO INVESTIR 50k -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250]

Castro disse não ter dúvidas de que o momento atual é de retomada da economia fluminense e destacou a importância da indústria da construção civil. Ele disse que crises anteriores foram resolvidas com a ajuda do setor e que considera o setor fundamental para o crescimento do estado. 

O governador destacou que essa importância pode ser percebida após a concessão da Cedae, que oferece ao estado a oportunidade de “viver um novo momento outra vez”, o que pode se traduzir por segurança jurídica. Para ele, isso mostra que o Rio de Janeiro é, novamente, um bom local para as empresas e indústrias voltarem a investir.

Castro reconheceu que o estado precisa dar uma “repaginada” e acrescentou que a infraestrutura e o canteiro de obras fazem parte desse processo. Ele disse que grandes empresas demonstram vontade de voltar ao estado. “Tenho conversado com a Companhia Siderúrgica Nacional [CSN], com empresas do pólo metalmecânico e a gente sente que, nessa procura, o Rio de Janeiro já está voltando a dias melhores”.

[EBOOK - COMO INVESTIR 50k -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250]

Centro de Referência
O presidente da Firjan, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira, disse que em junho do ano passado, quando a entidade apresentou o Programa para a Retomada da Economia do estado em bases competitivas, a concessão da Cedae foi mostrada como essencial, do ponto de vista social, econômico e ambiental, para o benefício da população.

Vieira avaliou que a concessão dos serviços da Cedae resultará em bilhões de reais em investimentos para o estado e destacou que, nesse sentido, não existe canteiro de obras sem executivos e trabalhadores bem preparados.

A Firjan inaugurou hoje o Centro em Referência em Construção Civil Firjan Senai Sesi da Tijuca, véspera do Dia da Industria. “Pelas suas características, o novo centro já é considerado o mais moderno e inovador do país”, destacou.

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250 - TESTE A/B - 22-6-2022]

Segundo Vieira, o centro está capacitado para atender demandas locais e de todo o estado e, também, do país. Os cursos serão presenciais, online e à distância e destinados para os níveis operacional, técnico e superior.

A unidade oferece cursos tecnológicos da indústria 4.0 para edificações modelo em Steel Frame, prontas e, em média, 60% mais rápidas que a alvenaria convencional e é dotado de 19 laboratórios.

Capital
O prefeito carioca, Eduardo Paes, assegurou também que os momentos difíceis que o estado e a capital fluminense atravessaram estão ficando para trás e o Rio de Janeiro “consolida sua hora da virada”, o que ajuda diferentes atores econômicos na tomada de decisão de investir no Brasil. Ele referiu-se à mudança institucional em relação aos investimentos privados na cidade.

Desde o início de sua administração, Paes decidiu criar um ambiente institucional menos burocrático, que permitisse aos investidores ter um ambiente mais aberto, qualificado, “e que se estendesse o tapete vermelho para aqueles que desejem empreender na cidade do Rio”.

Com esse propósito, foi criada a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Simplificação, cuja tarefa é diminuir a burocracia. Segundo Paes, isso será feito nas áreas urbanística, ambiental, de trânsito, de drenagem e de concessão.

Os alvarás estarão sob a responsabilidade desta pasta, usando um só balcão e fazendo com que os processos tramitem com mais celeridade, a partir da premissa da autodeclaração, que permitirá que os processos possam correr de maneira mais ágil e mais rápida.

Canteiro de obras
Paes disse no evento que pretende que o Rio de Janeiro volte a ser um canteiro de obras e orgulhe o Brasil com a sua indústria da construção civil qualificada e que “vai se qualificar ainda mais” com o novo Centro de Referência em Construção Civil da Firjan.

A busca pelo equilíbrio fiscal permitirá que a prefeitura carioca retome sua capacidade de investimento, algo que já começa a ocorrer. Paes acredita que, a partir principalmente de 2022, a cidade do Rio retomará sua capacidade de investimento, cujo valor “quase foi zerado” com gastos em folha e custeio, nos últimos anos.

Paes mencionou também a concessão da Cedae, que injetará recursos na capital e no estado do Rio de Janeiro. O prefeito afirmou que o Rio tem grande experiência e disposição e vai se somar, em breve, às parcerias público-privadas (PPPs) e concessões do governo estadual, respeitando o pacto pela sustentabilidade, pela proteção do meio ambiente. que é um importante ativo econômico, e trabalhando com a construção civil.

O prefeito disse que está agilizando mudanças na legislação urbanística de modo a construir um cenário em que o setor imobiliário possa desenvolver suas atividades e citou, nesse caso, em especial, o projeto de revitalização do centro da cidade e da região portuária do Rio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: