Menu
Busca quarta, 27 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Crédito

Febraban: carteira de crédito deve ter crescimento de 1,1% em março

Segundo o estudo, porém, deve haver desaceleração na comparação anual, de alta de 16,1% para 14,2%

23 abril 2021 - 14h21Por Redação SpaceMoney

O saldo total das operações de crédito deve ter crescimento de 11% em março, aponta a Pesquisa Especial de Crédito da Febraban (Federação Brasileira de Bancos). Segundo o estudo, porém, deve haver desaceleração na comparação anual, de alta de 16,1% para 14,2%.

A Pesquisa Especial de Crédito é divulgada mensalmente como uma prévia da Nota de Política Monetária e Operações de Crédito do Banco Central (BC).

Os dados oficiais serão divulgados pelo BC no dia 29 de abril. As projeções do estudo da Febraban são feitas com base em dados consolidados dos principais bancos do país, que representam de 39% a 89% do saldo total do Sistema Financeiro Nacional, dependendo da linha, além de outras variáveis macroeconômicas que impactam o mercado de crédito.

"O resultado de março pode ser considerado uma surpresa positiva, sugerindo que a piora da pandemia e a retomada das medidas restritivas na maioria dos Estados, até agora, afetou menos a atividade econômica do que o esperado", avalia Rubens Sardenberg, diretor de Economia, Regulação Prudencial e Riscos da Febraban.

O executivo ainda explica que a desaceleração do crescimento da carteira total de crédito na comparação anual já era esperada e ocorre devido à forte expansão do crédito em março de 2020 (+2,8%), mês em que as primeiras medidas de distanciamento social foram decretadas devido a pandemia da covid-19, o que fez com que diversas grandes empresas recorressem aos empréstimos bancários para fortalecer seus caixas e enfrentar possíveis problemas de liquidez, elevando a base de comparação.

"A expansão da carteira de crédito ainda deverá permanecer em patamar elevado, acima de dois dígitos, mesmo após um ano da decretação oficial da pandemia, em um período de recuo da atividade econômica", completa.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: