sábado, 18 de maio de 2024
SpaceCriptos

Criptomoedas hoje (9): Bitcoin (BTC) a US$ 21,6 mil, com Jerome Powell e Silvergate no radar

Por volta de 9:05 desta quinta-feira (9), o Bitcoin (BTC) se desvalorizava em 1,90%, cotado a US$ 21.652,1, na variação das últimas vinte e quatro horas

09 março 2023 - 09h18Por Lucas de Andrade

Por volta de 9:05 desta quinta-feira (9), o Bitcoin (BTC) se desvalorizava em 1,90%, cotado a US$ 21.652,1, na variação das últimas vinte e quatro horas. Ethereum (ETH) recuava 1,52%, ao preço de US$ 1.533,54, no mesmo intervalo.

Dentre as dez principais criptomoedas negociadas globalmente, apenas XRP (XRP) obtinha um desempenho positivo expressivo: +1,54%.

 

Nome Código Preço (USD) Variação (24H) Variação (7D)
Bitcoin BTC 21.652,1 -1,90% -7,50%
Ethereum ETH 1.533,54 -1,52% -6,63%
Tether USDT 0,9998 -0,03% -0,02%
BNB BNB 289,20 +0,49% -3,24%
USD Coin USDC 1,0001 +0,01% 0%
XRP XRP 0,39285 +1,54% +3,91%
Cardano ADA 0,3171 -2,21% -9,74%
Dogecoin DOGE 0,071650 -2,70% -11,15%
Polygon MATIC 1,053 -6,13% -13,02%
Binance USD BUSD 1,0002 +0,01% +0,01%

 

Entre os destaques do mercado de criptomoedas, a Mynt, plataforma de investimentos em criptoativos do BTG Pactual (BPAC11), anunciou que acabou de chegar a 22 ativos digitais para negociação direta pelo aplicativo.

A partir de agora, investidores também poderão negociar: Cosmos (ATOM), Avalanche (AVAX), Algorand (ALGO), Stellar (XLM), ApeCoin (APE), MakerDAO (MKR), Synthetix (SNX) e Quant (QNT), todas já estão disponíveis para negociações e os aportes partem de R$ 100.

No âmbito internacional, Silvergate não resistiu às pressões e anunciou o encerramento de suas operações. 

Advogados de Sam-Birkman Fried (SBF), fundador da FTX, pediram o adiamento do julgamento que vai analisar os supostos crimes cometidos pelo executivo. Era previsto que o evento ocorresse em outubro.

J.P.Morgan Chase decidiu parar de oferecer serviços bancários à exchange de criptomoedas Gemini.

E, ainda, as declarações de Jerome Powell permanecem no radar após o segundo dia de audiência pública do presidente do Federal Reserve concedida ao congresso norte-americano.

Lá, o líder da autoridade monetária do País afirmou ainda não saber qual decisão vai ser tomada pela instituição na próxima reunião, agendada para os dias 21 e 22 de março, mas repetiu a mensagem de que talvez tenha que subir os juros por mais tempo e acima do esperado.