Menu
Busca quinta, 21 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Apontamentos

Cielo recua com resultados 'fracos' no trimestre; analistas recomendam Venda

Impacto negativo estaria relacionado tanto aos volumes e margem

28 abril 2021 - 11h35Por Investing.com

Por Ana Carolina Siedschlag, da Investing.com - Os papéis da Cielo (SA:CIEL3) caíam 1,37% nesta quarta-feira (28) após a companhia controlada por Bradesco (SA:BBDC4) e Banco do Brasil (SA:BBAS3) apresentar lucro líquido de R$ 241,3 milhões no primeiro trimestre, alta de 44,6% na base anual, mas com vendas em queda.

Perto das 10h35, as ações eram negociadas a R$ 3,60, com queda acumulada de 4,03% nos últimos trinta dias e de 10% nas últimas 52 semanas.

Para os analistas da XP Investimentos, os resultados foram fracos, impactados negativamente tanto por volumes quanto por margem.

Eles apontam que os volumes vieram abaixo do esperado, uma vez que o Volume Total de Pagamentos (TPV) da empresa não se recuperou no trimestre. Apontam ainda que a margem líquida, de 0,73% contra 0,78% um ano atrás, “também não ajudou”.

Os analistas escrevem que, no geral, 2021 começou com um declínio de 20% no lucro recorrente em relação ao ano anterior e que o mercado deve reagir negativamente aos resultados.

Ainda assim, reiteram a classificação Neutra para o papel, com preço-alvo de R$ 5, por acreditarem que as ações da empresa já incorporam tais fundamentos.

Já os analistas do Goldman Sachs mantiveram a recomendação de Venda, com preço-alvo de R$ 3,60, apontando que a tendência de queda das vendas foi parcialmente mitigada por custos menores.

Eles apontaram que o destaque do trimestre foi a manutenção dos níveis de gastos com serviços tanto na base trimestral como na anual.

Para os analistas, os potenciais gatilhos de alta são a parceria com o WhatsApp, que poderia levar a volumes melhores que o previsto, uma melhora da qualidade dos serviços e um bom mix de produtos e potencial valor escondido nas operações do segmento Caetano.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: