domingo, 14 de agosto de 2022
[E-BOOK - COMO INVESTIR 50K - SPACENOW DESKTOP - 200X74]
Alto custo

Brasileiros precisam trabalhar até 14 meses para comprar novo Iphone

Influenciados pelo câmbio e impostos, produtos da Appletêm os preços mais caros do mundo no Brasil

18 novembro 2021 - 09h24Por Redação SpaceMoney
[HURST - MODELO 2 - BILBOARD TOPO 2 -970 X 250 CANAIS]
iPhone 13iPhone 13 - Crédito: Apple/Divulgação

A Apple (AAPL34) espera movimentar bilhões de dólares com o recente lançamento do iPhone 13 no mercado. O produto, que é o maior sucesso da empresa e responsável por 48% do total da receita, é lançado anualmente e sempre muito aguardado pelos fãs da marca.

Aqui no Brasil, apesar de ser o lugar onde os produtos da Apple são vendidos pelos valores mais altos no mundo, a empresa possui clientes bastante fiéis, com mais de 14% de todos os celulares vendidos sendo do sistema operacional iOS.

Para se ter uma noção desses valores, uma pesquisa realizada pelo portal CupomValido.com.br com a Statista e Nukeni mostrou que ao levar em consideração o salário mínimo do país (R$ 1.100) os brasileiros precisam trabalhar o equivalente a 14 meses para comprar um iPhone 13 Pro Max 1 TB.

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250]

A situação é bem diferente para os norte-americanos, que precisam de pouco mais de um mês para comprar o aparelho, e 12 dias no caso dos australianos.

Ao considerar todos os produtos da marca (Macbook, AirPods, iPhone, iPad e iMac) e todas as configurações (desde a menor armazenagem até a maior), para todas elas o Brasil sempre fica em primeira posição com o preço mais caro do mundo. Até ao levar em consideração outros países da América Latina, eles possuem preços até 50% menores que o Brasil.

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250 - TESTE A/B - 22-6-2022]

O mais impressionante que é se considerarmos o produto mais caro da Apple - Macbook Pro de 16 polegadas 10x32 Core, 32GB RAM, 1TB SSD (no valor de R$45.499), um brasileiro que ganha um salário mínimo precisaria trabalhar mais de 4 anos para adquirir o produto.

Outros países emergentes, como a Turquia e Índia, também estão próximo do Brasil no quesito de maiores preços.

Na ponta oposta, os Estados Unidos é país com o menor preço dos produtos da marca, seguindo por Japão e Hong Kong.

[OGF - VIP -  SQUARE DETALHE NOTÍCIA 300X 250]

O que explica os preços dos produtos da Apple no Brasil são dois motivos: impostos e câmbio.

Aproximadamente 40% do preço de um iPhone é somente para pagar à carga tributária cobrada pelo Brasil. São diversos impostos cobrados como o: IPI, imposto de importação, PIS, COFINS e ICMS.

O segundo motivo é devido ao preço do dólar que está em alta desde o ano passado. No último ano, o Real foi a moeda que mais de desvalorizou no mundo, com uma desvalorização de mais de 40%. Isso significa que os custos de todos os produtos importados sofreram aumento.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: