Menu
Busca segunda, 25 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Aviso

Bolsonaro diz que 7 de setembro será ultimato aos que acusa de descumprir Constituição

Declaração foi feita durante evento de inauguração em Tanhaçu, na Bahia

03 setembro 2021 - 12h15Por Reuters

Por Eduardo Simões, da Reuters - O presidente Jair Bolsonaro disse que as manifestações de seus apoiadores no feriado da Independência, na próxima terça-feira, serão um "ultimato" para aqueles que, segundo o presidente, descumprem a Constituição.

Em cerimônia em Tanhaçu, na Bahia, para assinatura de contrato de concessão da Ferrovia Integração Oeste Leste (Fiol), Bolsonaro disse que o recado das manifestações visará duas pessoas, que ele não citou os nomes, e que servirá para fazer com que elas se curvem à Constituição.

O presidente tem atacado frequentemente os ministros Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, acusando-os de exceder os limites constitucionais. Moraes conduz inquéritos que investigam Bolsonaro e aliados, enquanto Barroso, que também é presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), se opõe ao voto impresso para urnas eletrônicas, uma das principais bandeiras do chefe do Executivo.

No discurso, Bolsonaro disse que atuará dentro das quatro linhas da Constituição, mas que saberá agir para, segundo ele, fazer valer a vontade do povo, caso entenda que outras pessoas descumpriram o texto constitucional.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: