Menu
Busca quinta, 28 de outubro de 2021
Taxa básica de juros

Banco Central mantém Selic em 2% ao ano

20 janeiro 2021 - 18h43Por Redação SpaceMoney

O Copom (Comitê de Política Monetária) decidiu manter a taxa Selic em 2,00% a.a. em sua 236ª reunião, realizada no final da tarde desta quarta-feira (20). A decisão foi unânime e veio em linha com as expectativas do mercado de manutenção da taxa básica de juros.

A meta estabelecida pelo CMN (Conselho Monetário Nacional) para a Selic em 2021 é de 3,75%, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo. Isto é, o limite inferior é 2,25% e o superior, 5,25%.

Entre as observações adotadas pelo Copom, está a recente alta no preço de commodities internacionais, a preocupação com o cenário externo devido à nova cepa da Covid-19 e as expectativas de inflação para 2021, 2022 e 2023 apuradas pela pesquisa Focus, que ficaram em torno de 3,4%, 3,5% e 3,25%, respectivamente.

O comitê também anunciou o fim do forward guidance – uma prescrição futura, para reagir às expectativas do mercado sobre o provável curso da política de juros.

"Segundo o forward guidance adotado em sua 232ª reunião, o Copom não reduziria o grau de estímulo monetário desde que determinadas condições fossem satisfeitas. Em vista das novas informações, o Copom avalia que essas condições deixaram de ser satisfeitas já que as expectativas de inflação, assim como as projeções de inflação de seu cenário básico, estão suficientemente próximas da meta de inflação para o horizonte relevante de política monetária. Como consequência, o forward guidance deixa de existir e a condução da política monetária seguirá, doravante, a análise usual do balanço de riscos para a inflação prospectiva", disseram em nota.

 

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: