Menu
Busca sexta, 15 de outubro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Balanço 1T21

Azul reporta EBTIDA ajustado de R$ 129,7 milhões; prejuízo líquido fica em R$ 2,7 bilhões

Companhia ainda sente fortes efeitos da pandemia nesse primeiro trimestre de 2021, mas apresenta resultados melhores que os do trimestre passado

06 maio 2021 - 10h15Por Redação SpaceMoney

A Azul (AZUL4) anunciou nesta quinta-feira (6) seus resultados obtidos no primeiro trimestre deste ano. A companhia informa um prejuízo líquido de 2,786 bilhões de reais nos primeiros três meses do ano.

Um bom resultado visto que no quarto trimestre de 2020 o prejuízo líquido havia sido de R$ 6,150 bilhões, porém ainda um forte indicador negativo mediante aos R$ 317 milhões em prejuízo líquido obtidos no primeiro trimestre do ano passado.

Já o EBITDA ajustado totalizou R$ 129,7 milhões no trimestre, com uma margem de 7,1%. Este é o segundo trimestre consecutivo de EBITDA positivo reportado pela companhia.

A receita operacional totalizou R$1,8 bilhão no primeiro trimestre, um recuo de 34% ante o registrado no primeiro trimestre de 2020, mas um aumento de 2,4% em relação ao quarto trimestre do ano passado.

As despesas operacionais caíram 22,4%, no total de R$ 589,2 milhões em relação aos três primeiros meses de 2020, devido medidas adotadas pela companhia em redução de custos para enfrentar a crise da pandemia da Covid-19.

Durante o 1T21, a Azul teve R$552 milhões em entradas de caixa deduzidas de despesas operacionais, compensadas por pagamentos de postergações a fornecedores e arrendadores e investimentos realizados pela empresa para a retomada econômica.

A liquidez total, inclusos os investimentos de longo prazo e recebíveis, reserva de manutenção e depósitos, esteve sólida no patamar de R$6,3 bilhões, que representa um aumento de 10,9% comparado ao obtido nos três primeiros meses de 2020.

"Encerramos o trimestre com uma liquidez robusta, com R$3,3 bilhões em caixa ou R$3,8 bilhões incluindo nossa opção das debêntures conversíveis. Durante o trimestre, tivemos R$552 milhões em entradas de caixa deduzidas de despesas operacionais, e efetuamos R$785 milhões em pagamentos para reduzir dívidas e postergações, e R$317 milhões em investimentos em Capex e peças para preparar nossa frota para a recuperação. Nossa liquidez total atingiu R$6,3 bilhões incluindo reservas e depósitos, não incluindo peças ou outros ativos como TudoAzul ou Azul Cargo", destaca John Rodgerson, CEO da Azul, no material divulgado.

Tags: Azul, Ebitda

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: