Menu
Busca sexta, 17 de setembro de 2021
Blue3 - Cotações
Blue3 - Cotações Mobile
Radar corporativo

Minerva (BEEF3), Suzano (SUZB3) e Méliuz (CASH3) puxam quedas no Ibov; Bradespar (BRAP4) sobe forte

Confira as principais notícias corporativas do dia

15 setembro 2021 - 10h48Por Investing.com

Por Ana Beatriz Bartolo, da Investing.com - O Ibovespa recua 0,35%, aos 115.772 pontos, nesta quarta-feira, próximo às 10h20, com Bradespar (SA:BRAP4), Gol (SA:GOLL4) e Cielo (SA:CIEL3) liderando entre as altas.

Na outra ponta, Minerva (SA:BEEF3), Suzano (SA:SUZB3) e Méliuz (SA:CASH3) se destacando entre as quedas.

Confira as principais notícias corporativas do dia:

Grupo Soma (SA:SOMA3) e Cia Hering (SA:HGTX3) - O Grupo Soma informou à CVM que a combinação de negócios com a Cia Hering, anunciada em abril, foi aprovada em assembleias das duas companhias nesta terça-feira, 14.

Os papéis do Grupo Soma sobem 1,09%, a R$16,75, enquanto os da Hering se valorizam 1,07%, a R$ 36,78.

Via (SA:VIIA3) - O colegiado da CVM absolveu a Ernst & Young e seus sócios Douglas Travaglia Lopes Ferreira e Drayton Teixeira de Melo da acusação de irregularidades nos trabalhos de auditoria das demonstrações financeiras da Via Varejo relativas ao exercício de 2013.

O episódio está relacionado ao lançamento contábil da venda de 6,2% de participação acionária da Via Varejo na Nova Pontocom Comércio Eletrônico (NPC), por R$ 80 milhões.

As ações recuam 0,88%, a R$ 8,97.

Azul (SA:AZUL4) - A Azul tem a intenção de atender até 19 destinos no Estado do Pará, dentro da estratégia de fortalecer a aviação regional e conectar o interior do País aos grandes centros.

Os ativos sobem 0,71%, a R$ 35,45.

Eneva (SA:ENEV3) - O Itaú BBA melhorou as suas projeções para a elétrica Eneva para "outperform", elevando o preço-alvo da ação para R$ 18,6, ante R$ 15, ao afirmar que a companhia é o "melhor veículo" para navegar em uma desafiadora crise hídrica.

As ações caem 0,35%, a R$ 16,87.

Klabin (SA:KLBN11) - A Klabin está inaugurando um novo terminal com capacidade para 5 mil contêineres de 40 pés por mês. O projeto é resultado de um investimento de R$ 300 milhões.

Os papéis recuam 1,09, a R$ 25,47.

Petrobras (SA:PETR4) - O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, entrou na discussão sobre o combustível em evento do BTG Pactual, ao dizer que a Petrobras repassa os preços do petróleo “muito mais rápido do que grande parte dos outros países”, relacionando a questão com a pressão inflacionária causada pela energia.

A fala contrasta com a declaração do presidente da estatal, general Joaquim Silva e Luna, que disse à Câmara dos Deputados que a companhia não repassa, de imediato, os movimentos do mercado internacional aos preços internos.

Os ativos avançam 0,66%, a R$ 26,05.

Renova Energia (SA:RNEW11) - Em recuperação judicial, a Renova Energia informou que os acionistas de sua hidrelétrica Brasil PCH decidiram exercer seu direito de preferência e igualar a oferta da Mubadala por uma participação de controle nessa companhia.

As ações sobem 2,47%, a R$ 9,94.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Baixe nosso app: