segunda, 06 de dezembro de 2021
Por uma nova empresa

Grupo Votorantim e fundo canadense planejam unir ativos de energia e incorporar a Cesp (CESP6)

Holding VTRM possui hoje 40% das ações da Cesp; ao fim da operação, passaria a ter a totalidade dos papéis e a companhia elétrica seria uma controlada integral

19 outubro 2021 - 09h48Por Redação SpaceMoney

Nesta terça-feira (19), a Cesp (CESP6) comunicou aos seus acionistas e ao mercado em geral uma proposta de reorganização societária de seus controladores Canada Pension Plan Investment Board, braço de investimentos do fundo de pensão CPP Invesments, e Grupo Votorantim.

As companhias planejam, juntas, criar uma nova empresa de energia no Brasil. Se a operação for concluída, essa empresa estará integrada à holding VTRM Energia Participações S.A., a ser listada no Novo Mercado da B3.

O braço de investimentos do fundo de pensão canadense e o Grupo Votorantim já atuam juntos há quatro anos no Brasil e pretendem reunir as operações que já têm em comum, como o caso da Cesp.

A VTRM possui, hoje, 40% das ações da companhia elétrica e, ao final da operação, passaria a ter a totalidade dos papéis. Com isso, a Cesp teria todos os seus papéis incorporados à holding e seria uma controlada integral.

Essa nova empresa, então, investiria em projetos em estágio inicial de maturação, novas soluções e tecnologias voltadas para a descarbonização da matriz energética.

A holding chegaria ao mercado com uma receita líquida anual no patamar de R$ 5,8 bilhões, com base no valor apurado referente ao ano de 2020.

Consumada a reorganização, a Nova VTRM seria uma das principais companhias de capital aberto do setor elétrico brasileiro, com portfólio diversificado de geração de energia 100% renovável, com um total de 3,3 GW de capacidade instalada sob gestão - 2,3 GW em fonte hídrica e aproximadamente 1,0 GW em fonte eólica (compostos por 0,6 GW de ativos em operação e 0,4 GW de projetos em fase avançada de construção
com entrada em operação prevista entre maio e novembro de 2022).

A Nova VTRM também seria uma das maiores comercializadoras de energia do Brasil, com mais de 2,6 GW médios comercializados no ano de 2020.

 

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content