quarta, 26 de janeiro de 2022
Investigação

Refinarias caem com pedido de Biden à FTC para investigar empresas por altos preços nas bombas

Federal Trade Commission redobrou as investigações das empresas de energia por possível anticoncorrência ou "conduta ilegal" no mercado

17 novembro 2021 - 18h03Por Investing.com

Por Dhirendra Tripathi, da Investing.com - As ações das refinarias caíam nesta quarta-feira (17) depois que o presidente Joe Biden ordenou que a Federal Trade Commission redobrasse as investigações das empresas de energia por possível anticoncorrência ou "conduta ilegal" no mercado.

Por volta das 17h40 (horário de Brasília), Phillips 66 (NYSE:PSX) (SA:P1SX34) 3,12 e Valero (NYSE:VLO) (SA:VLOE34) 4,5 caíam 3,1% e 4,5%, respectivamente. A Marathon Petroleum (NYSE:MPC) (SA:M1PC34) caía 2,3%.

Ações de empresas integradas de energia como Chevron (NYSE:CVX) (SA:CHVX34) e Exxon Mobil (NYSE:XOM) (SA:EXXO34) tinham baixas menores, de 0,8% e 1,2%. Os ADRs da Shell (NYSE:RDSa) (SA:RDSA34) também perdiam 0,8%.

As empresas integradas de energia têm operações upstream, como exploração e produção, e também funções downstream, como refino e comercialização de derivados de petróleo, e, portanto, estão mais bem posicionadas para resistir à ação regulatória.

A carta de Biden segue sua orientação ao órgão regulador antitruste de alguns meses atrás, encaminhada pelo diretor do Conselho Econômico Nacional, para justificar a disparada dos preços dos combustíveis. Em sua última diretiva, Biden afirmou que mais ações se fazem necessárias, uma vez que "os preços na bomba continuaram a subir, mesmo com os custos do refino de combustível caindo e os lucros da indústria aumentando".

O presidente destacou que há uma “grande e inexplicável lacuna entre o preço da gasolina não acabada e o preço médio nas bombas”.

“Peço, portanto, que a Comissão examine mais detalhadamente o que está acontecendo com o mercado de petróleo, e que se use todas as ferramentas da Comissão caso descubra quaisquer irregularidades”, dizia a carta.

Deixe seu Comentário

Dicas valiosas sobre investimentos e notícias atualizadas,
cadastre-se em nossa NEWSLETTER!

ou fale com a SpaceMoney: 

Rev Content