terça, 28 de maio de 2024
SpaceRecomendações

XP (XPBR31) ou B3 (B3SA3): qual a preferida do BTG Pactual no mercado de capitais brasileiro?

Os analistas seguem com recomendação neutra para XP, mas não descarta bom desempenho da ação nos próximos meses

28 maio 2023 - 08h00Por Mari Galvão

O BTG Pactual elevou as estimativas para o LPA da XP para 2023, 2023 e 2025 em 10%. A mudança foi motivada pelos resultados melhores do que o esperado no primeiro trimestre de 2023. 

"Prevemos ganhos de R$ 4,4 bilhões em 2024 (+15% a/a) e R$ 5 bilhões em 2025 (+14% a/a), em linha com o consenso", diz o BTG. 

Além disso, o banco elevou o preço-alvo da ação na bolsa norte-americana de US$ 14 para US$ 20, mantendo a classificação neutra sobre o ativo. 

No mercado de capitais brasileiro, o BTG afirmou que prefere a B3 (B3SA3) como player. A ação já subiu 66% desde a sua queda em março.

"Adicionalmente, ainda temos dúvidas sobre os ganhos sustentáveis e o ROE da XP", diz o banco. A empresa fez demissões significativas recentemente, está repensando seu modelo de colocaboração (que pode resultar em custos mais elevados para reter os melhores talentos). 

Além disso, o BTG cita que o ROE caiu abaixo de 20% no primeiro trimestre vs. 30% há 2 anos. Devido a estas preocupações e ao fato de ainda não ter respostas claras, a preferência segue sendo pela B3. 

"Por enquanto, mantemos nosso apelo, mas reconhecemos que não ficaríamos surpresos se as ações XP tiverem um bom desempenho nos próximos meses", completa a instituição. 

Tags: B3, b3sa3, XP, XPBR31