quarta, 17 de abril de 2024
Ações recomendadas

Oncoclínicas (ONCO3) terá o maior crescimento de receita do setor no 4T23? Veja o que diz o BBA

Para o quarto trimestre do ano passado, o BBA projeta uma receita líquida de R$ 1,435 bilhão, alta de anual de 17%

02 março 2024 - 10h00Por Mari Galvão
OncoclínicasOncoclínicas - Crédito: Oncoclínicas/Reprodução

O Itaú BBA acredita que a Oncoclínicas (ONCO3mostrará uma tendência positiva no quarto trimestre de 2023 nos indicadores de taxa de imposto efetiva e menor participação dos minoritários no lucro líquido.

No entanto, o banco acredita que a dinâmica dos recebíveis pode pressionar o fluxo de caixa. Os analistas acreditam que a empresa continuará sendo o player com maior crescimento de receitas na cobertura do BBA no setor da saúde.

Além disso, a reestruturação empresarial em curso na companhia deve render frutos, com uma taxa de imposto efetiva e juros minoritários mais baixos.

"Os investidores devem prestar atenção à geração de caixa da empresa neste trimestre, que pode ser pressionada por desautorizações e adiamentos de pagamentos por parte das fontes pagadoras", ressalta o banco. 

Para o quarto trimestre do ano passado, o BBA projeta uma receita líquida de R$ 1,435 bilhão, alta de anual de 17%. O lucro líquido, por sua vez, deve ser de R$ 55 milhões no período. 

A projeção de EBITDA (sigla em inglês para lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) é de R$ 261 milhões, crescimento anual de 11,5%. 

O BBA tem recomendação de compra para a ação, com preço-alvo de R$ 23,00.