quinta, 23 de maio de 2024
SpaceRecomendações

Log (LOGG3): alavancagem financeira e FFO prejudicado são pontos de atenção

XP Investimentos aponta aumento de despesas financeiras, que chegaram ao patamar de R$ 46 milhões

27 abril 2023 - 08h06Por Lucas de Andrade

A Log (LOGG3) registrou lucro líquido de R$ 29,1 milhões no primeiro trimestre deste ano, uma queda de 78% em comparação ao que foi computado no mesmo período de 2022.

A queda reflete uma mudança de estratégia da companhia para este ano, em que vai priorizar a redução de investimentos (CAPEX) para diminuir seu endividamento líquido, estimado em R$ 1,3 bilhão.

O EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização na sigla em inglês) da atividade de locação cresceu 76,1% no comparativo, para R$ 52,9 milhões.

O ticket médio de locação da Log avançou 20,2% na base de comparação anual.

A área bruta locável (ABL) aumentou 11,1%, para 1,17 milhão de metros quadrados entre janeiro e março. A vacância dos imóveis atingiu mínima histórica, em 1,43%, com inadimplência de 0,8% dos contratos. 

Em relação à receita líquida consolidada, o resultado foi de R$ 67 milhões, com alta de 76,1% na base de comparação anual. O fluxo de caixa das operações (FFO) avançou 4,8% em um ano, para R$ 31,2 milhões.

Para a XP Investimentos, houve impacto na última categoria em razão de despesas financeiras de R$ 46 milhões.

A alavancagem financeira (relação entre dívida líquida e EBITDA) ficou em 3,1x (2,8x ajustado pelos recebíveis de venda de ativos) vs. 2,1x no quarto trimestre de 2022, impactada pelos investimentos de R$ 156 milhões no trimestre, o que pressionou a estratégia de reciclagem do portfólio.

Dito isso, analistas veem um cenário de maior pressão na estratégia de reciclagem de portfólio, o que avaliam como um divisor de águas na tese de crescimento da Log a longo prazo.

A recomendação neutra foi reiterada, com o preço-alvo de R$ 28,00 - o que implica em um potencial de valorização de 81,82% sobre a cotação atual.

 

Tags: log, logg3